Busca:

Beatriz Rabello

Beatriz Rabello de Faria

Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Iniciou sua carreira artística participando como corista da gravação do DVD "Paulinho da Viola - Acústico MTV", a convite de seu pai.  Em 2008 interpretou a cantora Elizeth Cardoso no musical "Divina Elizeth", realizado no Teatro Sesc Ginástico, no Rio de Janeiro. Em 2009 participou da nova temporada do musical "Sassaricando - e o Rio inventou a marchinha", da historiadora Rosa Maria Araújo e do crítico Sérgio Cabral, com direção de Cláudio Botelho, arranjos e direção musical de Luís Filipe de Lima, com o qual se apresentou em cidades como São Paulo, Natal, Ribeirão Preto, Goiânia e Rio de Janeiro. Integrou o Bloco do Sassaricando, que sai aos sábados de carnaval no Rio de Janeiro, a partir de 2009. Nesse mesmo ano se apresentou, ao lado de Marcos Sacramento, no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro, em show que fez parte do espetáculo "Alô" Alô?: 100 anos de Carmen Miranda", realizado em homenagem ao centenário da cantora, com direção musical de Luís Filipe de Lima. Em 2010 participou do elenco do musical "É Com Esse Que Eu Vou", de Rosa Maria Araújo e Sérgio Cabral, dirigido por Cláudio Botelho e Charles Möeller, encenado no Oi Casa Grande, no Rio de Janeiro.  Em 2011 participou da 22ª edição do "Prêmio da Música Brasileira" realizada no Teatro Municipal, no Rio de Janeiro, em homenagem ao cantor e compositor Noel Rosa, na qual interpretou "Feitiço da Vila" e "De babado", ao lado de seu pai Paulinho da Viola. Em 2014 participou da turnê especial da 25ª edição do “Prêmio da Música Brasileira”, em homenagem ao gênero samba. O registro do show, realizado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, foi lançado em CD e DVD pelo selo Universal Music. Em 2015 participou do espetáculo musical “SamBRA – 100 anos de Samba”, com texto e direção de Gustavo Gasparani, ficando em cartaz em uma curta temporada na casa Vivo Rio, no Rio de Janeiro e no Espaço das Américas, em São Paulo. Em 2016 lançou seu primeiro CD solo “Bloco do Amor”, cuja faixa-título foi escrita por seu pai, Paulinho da Viola, especialmente para o disco. O CD também incluiu a inédita “Onde for o nosso amor”, de João Callado e Moyseis Marques. O show de lançamento foi realizado no Theatro Net Rio e contou com as participações especiais de Moyseis Marques e Paulinho da Viola.

Mais visitados
da semana

1 Festivais de Música Popular
2 Karen Keldani
3 Noel Rosa
4 Tiee
5 Gonzaguinha
6 Vanusa
7 João Nogueira
8 Gilberto Gil
9 Paulinho da Viola
10 Mário Campanha