Busca:

Batuk Trio



Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Depois do lançamento do CD "Poema brasileiro", pela gravadora Paulinas em 1996, Giacomo Bartoloni (violão) e Paulo de Tarso Salles (guitarra) decidiram formar um grupo para poderem tocar juntos. O convite ao percussionista Carmo Bartoloni foi o caminho natural para acrescentar novas sonoridades às cordas dos violões, guitarras e cavaquinhos. Assim, em 1998, formaram o grupo Batuk Trio (música instrumental). O grupo chamou a atenção pelo uso pioneiro da marimba no contexto da música popular instrumental do Brasil. A formação inusitada combinou três elementos étnicos significativos na formação da própria musicalidade brasileira: a riqueza timbrística do violão (herança portuguesa) com a delicadeza da marimba (nosso sangue afro) e a sustentação da guitarra semi-acústica (a modernidade norte-americana), além de outras possibilidades que a versatilidade dos músicos permite, com a utilização de outros instrumentos. Através de versões elaboradas de clássicos da MPB, como "Travessia" (Milton Nascimento e Fernando Brant) ou "Trem das onze" de autoria de Adoniran Barbosa, o grupo usa uma linguagem que une elementos da música brasileira, jazz e erudita. Instrumentistas e arranjadores, seus integrantes também compõem músicas, como "Elíptica", de Giacomo, "Variações à flor da pele", de Carmo, ou "Narguilé", de Paulo. Em 2000 lançou o primeiro CD. No repertório incluíram grandes músicos brasileiros além de composições próprias.

Mais visitados
da semana

1 Jaburu Batera
2 Karen Keldani
3 Festivais de Música Popular
4 Noel Rosa
5 Tiee
6 Mário Silva
7 Gonzaguinha
8 Augusto César Vannucci
9 Gilberto Gil
10 João Nogueira