Busca:

Wanderson Martins

Wanderson Jorge de Paula Martins
12/2/1962 Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Começou a tocar profissionalmente com Dona Ivone Lara, depois tocou com Roberto Ribeiro, Martinho da Vila, Beth Carvalho, Zeca Pagodinho, Wilson Moreira, Nei Lopes, Monarco, Elza Soares.

Freqüentador das rodas de samba da Vila da Penha (Conjunto do Ipase), atuou em vários discos, dentre eles, "Sedução", de Dunga.

Integrou os conjuntos Nó em Pingo D'Água, Chorando Baixinho e Toque de Prima. Com o Nó em Pingo D'Água, gravou o CD "João Pernambuco 100 Anos". Com o grupo Toque de Prima gravou em 1997 o primeiro CD, lançado pela gravadora Velas com 11 músicas inéditas e uma regravação. Entre os compositores que presentearam o grupo com as músicas inéditas estão Paulo César Pinheiro e Wilson das Neves, Arlindo Cruz, Wilson Moreira e Nei Lopes, Zeca Pagodinho e Dudu Nobre, Monarco e Ratinho, além de composições de alguns componentes do grupo. No segundo disco do grupo, também pela gravadora Velas, o CD "Se tem que ser, será", de 1999, o grupo reafirmou a sua qualidade musical através da escolha de seu repertório, incluindo, inclusive, participações especiais de Ivan Lins em música de sua parceria com Cláudio Jorge. Ainda neste mesmo ano, foi gravado o disco "Um Natal de samba", no qual o grupo participou interpretando a música "Natal imperiano", de Zé Luiz.

No ano 2000, ainda integrando o Toque de Prima, participou do CD "De letra & música", de Nei Lopes, juntamente com Chico Buarque, Alcione, Zeca Pagodinho, Wilson Moreira, Arlindo Cruz, Martinho da Vila, Joyce, Guinga e Fátima Guedes, entre outros. Neste disco, lançado pela gravadora Velas, om grupo interpretou "No tempo de Dondon", de autoria de Nei Lopes, e ainda "Goiabada cascão" e "Coisa da antiga", ambas parcerias de Nei Lopes com Wilson Moreira.

No ano de 2001, o grupo Toque de Prima participou do disco "Coisa de chefe", no qual, ao lado do cantor, interpretou "Panela na pia", de autoria de Cláudio Jorge e Jamil Joanes.

Em 2004, produzido por Rildo Hora, o Toque de Prima lançou o CD "Daqui, dali e de lá", no qual foram incluídas "Chiclete de hortelã" (Zeca Pagodinho), "Ciúme da Cidinha" (Paulinho da Viola), "Titia" (Monarco e Ratinho), "Eu conheço aquela moça" (Martinho da Vila e Roque Ferreira), "Demorou" (Elton Medeiros e Roque Ferreira), "Esbanjando alegria" (Dona Ivone lara e Bruno de Castro), "Ela é quem manda" (Wilson Moreira e Nei Lopes), "Já é ou já era" (Arlindo Cruz, Maurição e Acy Marques), "Pra parar de chover" (Dudu Nobre e Luizinho SP), "Suburbano feliz" (Luiz Grande, Barbeirinho do Jacarezinho e Marcos Diniz), "Cabô meu pai" (Moacyr Luz, Luiz Carlos da Vila e Aldir Blanc), "Ensinamento" (Wilson das Neves e Paulo César Pinheiro) e a faixa-título de autoria de Serginho Meriti e Bira da Vila. Neste mesmo ano o grupo participou do show "Samba de Panela especial - ao vivo", de Telma Tavares, fechando o projetono "Cartão postal da MPB" do Teatro do Centro Cultural da Justiça Federal, no Rio de Janeiro. Do especial também participaram Délcio Carvalho, Sombrinha, Cláudio Jorge, Diogo Nogueira, Tonico Ferreira, Agrião, Wanderley Monteiro e Nosso Samba.

Como músico acompanhou Martinho da Vila em vários shows.

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Assis Valente
3 Nelson Gonçalves
4 Nelson Cavaquinho
5 Caetano Veloso
6 Chico Buarque
7 Dorival Caymmi
8 Tom Jobim
9 Noel Rosa
10 Música Sertaneja