Busca:

Valdomiro Lobo

Valdomiro Lobo

Dados Artísticos

Em 1942 lançou de Ochelsis Laureano o poema "Lenço preto" e de sua autoria o humorismo "Está me entendendo?". Gravou ainda a lenda "Flor do maracujá" de sua autoria e Luiz Iglesias. Em 1945 gravou de sua autoria o humorismo "Gargalhadas" e o chamego "Eu de cá...você de lá". No mesmo ano gravou de sua autoria o maxixe "Cachorro quente" e a toada "Batoré". Em 1946, Murilo Caldas gravou de sua autoria a marcha "Marmiteiro", e Antônio Sergi e sua Orquestra gravaram pela Continental o samba "Comitê do morro". No mesmo ano, Hélio Sindô gravou a marcha "Kikiricó", de sua parceria com Arlindo Pinto, e a marcha "O maestro tem razão", com parceria dos dois. Em 1947 gravou também de sua autoria o baião "Mula manca" e o chamego "Catarina vai no trem", motivo popular para o qual fez os arranjos. No mesmo ano a dupla Palmeira e Luizinho gravou dele e Anacleto Rosas Jr. a moda de viola "No céu não tem correio". Em 1948 gravou a valsa "Morena do zoio preto" e o humorismo "Balanço político". Por essa época passou a atuar com o grupo intitulado de Seus Comparsas, com o qual gravou em 1949 o recortado "Caçando anum" e o valseado "Meu pampinha", ambos de sua autoria. Em 1950 gravou o poema sertanejo "Catulo" de Catulo da Paixão Cearense e o poema "Capelinha do arraiá" de Lea Magalhães. Em 1951 gravou com seus Comparsas a valsa humorística "Quitéria" de sua autoria e o baião "No colo dela", em parceria com Rômulo Paes e Carlos Cruz. No mesmo ano, seu bolero "Ni una palabra" foi gravado por Rago e seu Conjunto. Em 1952 gravou o baião "Baião, baião!". Em 1953 gravou de sua autoria o baião "Sodade vai". Em 1958 gravou de sua autoria o arrasta pé "Si quisé mordê eu dexo" e o baião "Baião do prefeito". No mesmo período lançou pela Continental o LP "Poemas do meu sertão", interpretando entre outras composições, "O pedido do caipira", "Portêra abandonada", "A capelinha da anciã" e "Flor de maracujá". Em 2000 teve a composição "No céu não tem correio", com Anacleto Rosas Jr., gravada por Tonico e Tinoco, relançada em CD pela Som Livre.

Mais visitados
da semana

1 Geraldo Pereira
2 Dorival Caymmi
3 Caetano Veloso
4 Noel Rosa
5 Tom Jobim
6 Hermeto Pascoal
7 Francisco Mignone
8 Roberto Luna
9 Jorge Goulart
10 Pixinguinha