Busca:

Trio Mineiro



Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Cantores. Fizeram parte do elenco da Rádio Piratininga de São Paulo. Tanto na primeira como na segunda formação, nenhum de seus componentes era nascido em Minas Gerais. Em 1950, estrearam em disco, interpretando o rasqueado "Buquê de rosas" e a moda campeira "Boiada carreira". Em 1951, lançaram a toada "Velha porteira", de Mineirinho, e o rasqueado "Não chores não", de Bolinha. Em 1952, gravaram o baião "Ai, Teresa!", de Jack Zuza, e o xote "Será o Benedito", de Bolinha. No mesmo ano, gravaram a toada "Sombra do ipê", de Lauro Miller. Em 1953, gravaram pela Odeon o cateretê "Coração que não se entende" e a toada "Cabocla caxangá", ambos de Bolinha. No ano seguinte, gravaram também de Bolinha o rasqueado "Guaíra" e o cateretê "Isabé". Em 1955, gravaram pela Odeon as toadas "Recordando", de Bolinha e Mineirinho, e "Choupana velha", de D. Carvalho. Em 1956, gravaram o rasqueado "Buquê de rosas", de Bolinha, e a toada "Chapéu de couro", de Mineirinho. Por essa época houve mudanças no trio, com as saídas de Bolinha e Cosmorama, substituídos por Mariano, que formou dupla com Caçula e, Robertinho do Acordeon. Nesse período apresentaram-se nos programas "Festana roça", na Rádio Tupi e "Alvorada cabocla", de Nhô Zé na Rádio Nacional, ambas de São Paulo. Apresentavam-se também em circos. Em 1959, gravaram de Goiá e Arlindo Pinto o rasqueado "Capricho", e de Goiá e Mineirinho o valseado "Coisas da vida". Em 1960, gravaram de Francisco Lacerda e Nhô Zé o rasqueado "Lencinho branco" e, de Conde e Elpídio dos Santos, a valsa "Santinho esquecido". Em 1961, gravaram de Mineirinho e João Furtado a toada brejeira "Mulheres do destino" e, de Rui Carvalho e Hernandes, o corrido "Rancheiro feliz". Em 1962, gravaram o rasqueado "Vaso da minha vida", de João Furtado e Rui Bruno de Carvalho, e a tarantela "Catarina", de Savério Rondinelli. No mesmo ano, gravaram de Raul Torres, Bolinha e Teorfo a paródia "Cavalo manco". O trio desfez-se nos anos 60.

Mais visitados
da semana

1 Isolda
2 Noel Rosa
3 Luiz Gonzaga
4 Eumir Deodato
5 Dorival Caymmi
6 Geraldo Pereira
7 Lupicínio Rodrigues
8 Pixinguinha
9 Chico Buarque
10 Roberto Carlos