Busca:

Tomás de Souza

Tomás de Souza

Dados Artísticos

Estreou em disco por volta de 1909, gravando na Columbia os lundus "Pinica pau", de autor desconhecido, e "O canto de bem-te-vi", de Casemiro Rocha. No ano seguinte, gravou a cançoneta "Morena faceira" e o lundu "Bahia", de motivos populares. Por volta de 1911, gravou os lundus "Seu Florindo" e "Quem inventou a mulata", as cançonetas "Só no choro", "Pega na chaleira", "As minhas conquistas", "Com o violão", "Morena brasileira", "O maxixe", e "Tra lá lá", e o lundu "Calor e massacre", todas de motivos populares, além da cançoneta "O Zeca Brazurura", de Cota Júnior. Gravou ainda pelo selo Phoenix, sem data precisa, o lundu "Chegou do mato", de autor desconhecido. Também pelo selo Phoenix gravou com o Grupo do Tomaz de Souza, com coro e batuque, o samba-carnavalesco "Vadeia caboclinha", de autor desconhecido. Deixou quinze disco gravados pela Columbia e mais dois pela Phoenix num tempo em queera difícil um número grande de gravações.

Mais visitados
da semana

1 Durval e Davi
2 Tiee
3 Vinicius de Moraes
4 Gilberto Monteiro
5 Martha Rocha
6 Creone e Barrerito
7 Festivais de Música Popular
8 Mayck e Lyan
9 Alceu Valença
10 Luiz Gonzaga