Busca:

Timbalada



Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Formada por Patrícia Gomes (voz), Denny (voz), Ninha Brito (voz), Augusto Conceição (voz), Amanda Santiago, Juju Gomes e Akira Takakura (teclado e voz), a banda foi criada no início da década de 1990, no bairro do Candeal, em Salvador, por Carlinhos Brown que, embora não fosse integrante, costumava participar de apresentações, além de produzir, compor e fazer os arranjos. Ninha Brito, um de seus integrantes, cantor e percussionista, participou de diversos blocos baianos até que, em 1993, Carlinhos Brown o convidou para integrar o grupo de timbaleiros que estava formando. Entre 1995 e 1996, morou nos Estados Unidos, onde ministrou aulas de percussão em escolas e universidades. Denny, aos 13 anos, foi apresentado a Carlinhos Brown, que logo o convidou a integrar-se à banda como vocalista ao lado de Ninha. Amanda Santiago, filha do cantor Lui, muito respeitado em Salvador, antes de participar do grupo trabalhou como vocalista de algumas bandas de axé music. Juju Gomes participou do disco "Omelete", no qual aparece em seis faixas. Logo depois, Marisa Monte indicou-a para Carlinhos Brown e este a convidou a integrar-se à banda. Akira Takakura, de origem japonesa, aos cinco anos foi morar em Salvador. Além dos vocalistas, a banda conta com uma seção de metais, guitarra, teclado, bateria e 20 percussionistas. O primeiro disco saiu em 1993 e já colocou a Timbalada no topo de sucessos. Em 1994 o grupo lançou, pela gravadora PolyGran, o CD "Cada cabeça é um mundo", do qual se destacou a faixa "Toneladas de desejo", de autoria de Carlinhos Brown e um dos primeiro sucesso do grupo, com o qual alcançou fama nacional. No ano seguinte, em 1995, o grupo lançou o CD "Andrei Road", destacando-se a composição "Mimar você" (Alain Tavares e Gilson Babilônia), grande sucesso na época. Em 1996, Carlinhos Brown e a Timbalada abriram o Candyal Ghetto Square, misto de casa de shows com centro cultural. Nesse ano, foi lançado o quarto disco, "Timbalada mineral", misturando ritmos como o axé, o reggae, funk, samba, forró, rock, merengue, carimbó e frevo, utilizando instrumentos como timbau, guitarra, surdo, 'cowbell´, trombone, marimba, flauta, saxofone, clarineta, triângulo, xequerê, bongô, trompete, ganzá e teclado, demonstrando claramente a pluralidade de influências e elementos musicais da banda. Neste disco, o grupo incluiu cinco composições de Carlinhos Brown. Uma delas, "Formigueiro", foi muito executada nas emissoras do Brasil. O disco ainda contou com diversas composições, entre as quais "Minha história" (Xexéu e Luizinho SP), "Maré, mansa" (Lucas Bonfim e Chico Leal), "Meia hora" (Jorge Charéu, Ademário e Roberto Moura), "Carimbolada soul" (Ubaldino e Ronaldo), "O sol vem saindo" (Dona Cléo) e "Trilha sonora" de autoria de Voinho do Cravo. Contudo, o grande sucesso do disco seria "A latinha" (Carlinhos Brown e Alain Tavares), executada em todo o país. No ano 2000 o grupo aprsentou-se com sucesso no "Festival Internacional de Jazz de Montréal, no Canadá. Em 2002 recebeu convite para participar do "Brazilian Day", tradicional festa de cultural brasileira em Nova York, que incluiu música e gastronomia. Em 2003 lançou o CD "Motumbá bless" nas várias capitais do país, inclusive no Rio de Janeiro, em show na Fundição Progresso, na Lapa, centro pop/boêmio da cidade e também no "Projeto Rio Gueto Square", apresentado no espaço Cultural Pier da Praça Mauá (futuro Museu Guggenheim), zona portuária da cidade. No ano de 2004, junto com Carlinhos Brown, a banda apresentou-se na cidade de Barcelona, na Espanha e ainda recebeu o "Sexto Prêmio à Cooperação Nacional", na cidade de Granada. O prêmio foi dado a Carlinhos Brown em reconhecimento pelo trabalho cultural desenvolvido na comunidade carente do Candeal, em Salvador, na Bahia. No ano de 2005 o grupo apresentou-se no carnaval da cidade de Madrid, na Espanha. Em 2007 o grupo fez show "Timbalada ao vivo" no Estado do Maranhão, do qual foram retiradas 24 composições que entrariam no CD e no DVD. Em 2008 o grupo lançou o CD e DVD "Timbalada ao vivo", trabalho no qual registrou vários sucessos e inéditas, entre as quais "Alegria original" (Matias da Rocha, Carlinhos Brown e Joana Batista Ramos); "Mimar você" (Alain Tavares e Gilson Babilônia); "Ahansu" (adaptação de Carlinhos Brown e Mateus), com participação especial de Carlinhos Brown; "Meia hora" (Ademário, J. Xareu e R. Moura); "Na beira do mar" (Mateus e Dadinho); "Faraó" (Carlinhos Brown); "Canto pro mar" (Carlinhos Brown); "Margarida perfumada" (Carlinhos Brown e Cícero Menezes); "Cachaça" (Carlinho Brown, Elber, Zidane e Popó); "Minha estória" (Xexéu e Luizinho SP); "Beija- flor" (Xexéu e Zé Raimundo); "Toneladas de desejo" (Carlinhos Brown); "Na Ilha Grande" (Carlinhos Brown e Vevé Calasans); "Namoro a dois" (Alain Tavares); "Toque de timbaleiro" (Nem Cardoso); "Regionágua" (Carlinhos Brown, Arnaldo Antunes e Peu Meurrahy); "Rosal" (Carlinhos Brown; "Perdido de amor" (Edson Gomes); "Pedindo pra voltar" (Carlinhos Brown e Alain Tavares); "Se você se for" (Edney, Zinho, Armandinho); "Água mineral" (Carlinhos Brown); "Ai" (Carlinhos Brown e Mestre Pintado do Bongô); "Camisinha" (Carlinhos Brown); "A latinha" (Carlinhos Brown e Alain Tavares) e a faixa "Bumba meu boi de timbalada" (Carlinhos Brown e Michel Sullivan), com participação especial de Carlinhos Brown, além da inédita "Regando-te", de autoria de Denny, um dos integrantes da banda. Em 2008 a banda contava com 18 integrantes, 11 discos lançados e apresentações em festivais nacionais e internacionais na Europa e nos Estados Unidos.

Mais visitados
da semana

1 Chico Buarque
2 João Gilberto
3 Geraldo Pereira
4 Tom Jobim
5 Caetano Veloso
6 Pixinguinha
7 Música Sertaneja
8 Noel Rosa
9 Jackson do Pandeiro
10 Chitãozinho e Xororó