Busca:

Selma Reis

Selma Reis
1960 São Gonçalo, RJ
19/12/2015 Teresópolis, RJ

Dados Artísticos

Em 1987, gravou o primeiro disco, "Selma Reis", interpretando composições de Sueli Costa, Capinam, Nelson Ângelo e Cacaso (O que será que serei), Gereba e Geraldo Azevedo, entre outros. Na época, foi acompanhada ao piano por Eduardo Souto Neto.

Lançou, em 1990, o CD "Selma Reis" e, em 1991, o disco "Só dói quando eu rio".

No ano de 1993, gravou, em Londres, o CD "Selma Reis", que teve como arranjador Grahaam Presket, o mesmo de Paul McCartney e Elton John.

Em 1996, lançou um CD só com composições de Gonzaguinha.

Participou, em 1999, do musical "Abre-alas", representando a personagem Mimi, ao lado de Rosamaria Murtinho. Logo depois de assistir ao musical, o diretor Jayme Monjardim convidou-a para participar da gravação de um clipe da minissérie "Chiquinha Gonzaga" (Rede Globo), em homenagem à compositora brasileira. Ainda nesse ano, contratada exclusiva dos empresários Montenegro e Ramon, lançou o CD "Ares de Havana", gravado na capital cubana em apenas uma semana. Também em 1999, realizou show homônimo no Teatro da Faculdade da Cidade (Teatro Delfin), com roteiro de Ricardo Cravo Albin. Este mesmo espetáculo foi montado, em 2000, na ilha de Cuba, tendo sido muito bem recebido.

Em 2002, desenvolveu projeto para atuar ao lado da bailarina Ana Botafogo, em espetáculo de dança e voz. Ainda nesse ano estreou show no Teatro Rival BR, mais uma vez produzido por Montenegro-Ramam.

No ano seguinte, em 2003, apresentou-se, ao lado de Cauby Peixoto, no Teatro Rival BR, no Rio de Janeiro. O show, com direção e roteiro de Túlio Feliciano, gerou CD e DVD lançados pela gravadora Albatroz. No repertório, "Por toda a minha vida" (Tom Jobim e Vinicius de Moraes), "Bastidores" (Chico Buarque), "Todo sentimento" (Cristóvão Bastos e Chico Buarque), "Galope" (Gonzaguinha), "Beco do Mota" (Mílton Nascimento e Fernando Brant) e "Emoções suburbanas" (Altay Veloso e Paulo César Feital), composição feita especialmente para ela e que se tornou um de seus maiores sucessos.

Em 2009, lançou o CD “Poeta da voz”, com músicas de Paulo César Pinheiro: “Banho de manjericão” e “As forças da Natureza”, ambas com João Nogueira, “Bodas de vidro” e “Cordilheiras”, ambas com Sueli Costa, “Minha missão” (c/ João Nogueira), “Cicatrizes” (c/ Miltinho), “Passatempo”, “Bolero de Satã” (c/ Guinga), “Sem companhia” (c/ Ivor Lancelloti), “Vou deitar e rolar” (c/ Baden Powell), “Tô voltando” (c/ Maurício Tapajós), “Viagem” (c/ João de Aquino), “Velho arvoredo” (c/ Hélio Delmiro), “Portela na Avenida” (c/ Mauro Duarte), “Ofício”. O disco contou com a participação do autor homenageado (na faixa-poema “Ofício") e ainda de Diogo Nogueira (na faixa “As forças da Natureza”) e Beth Carvalho (na faixa “Portela na Avenida”). Nesse mesmo ano, fez show de lançamento do disco na Modern Sound (RJ).

Mais visitados
da semana

1 Sivuca
2 Tiee
3 Demônios da Garoa
4 Noel Rosa
5 Vinicius de Moraes
6 Tom Jobim
7 Franco Scornavacca
8 Gonzaguinha
9 Luiz Gonzaga
10 Chris Fuscaldo