Busca:

Rubens da Mangueira


Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

No ano de 1974, ao lado de Nelson Cavaquinho, Aparecida, Roque do Plá, Sabrina e Dida, participou do disco "Roda de samba nº 2", no qual interpretou de sua autoria "Por cima da linha" (c/ Coroa) e "Morro velho", de autoria de Zuzuca.

Em 1977, ao lado de Fabrício do Império, Mazinho da Beija-Flor, Jacyr da Portela, Balbino de Padre Miguel e Zequinha do Salgueiro, participou do LP "Primeiro botequim - os partideiros", no qual interpretou de sua autoria "Chá chuá" e "Pisei na pedra". Neste mesmo ano Luiza Maura, no disco "Samba pé no chão" interpretou de sua autoria "Pisei na pedra", lançando pela gravadora Beverlyo. No ano seguinte, gravou pela Copacabana Discos o LP "Eu sou assim". Neste disco, interpretou várias composições suas como "Bato pandeiro e toco viola", "Exaltação a Jacy", "Estrangeiro no samba" e "Essa alma que reza", entre outras. Também no mesmo disco, gravou compositores como Geraldo Babão e Cleber Assunção ('Vovô e vovó'), Geraldo Barboza ('Fala Zeca do Chocalho') e a dupla Nélson Cebola e Athaíde Lucena ('Todo errado').

No ano de 1979, Beth Carvalho no LP "No pagode" interpretou de sua autoria "Xô gafanhoto", em parceria com Ivan e Luiz Grande.

Bezerra da Silva, em 1989, incluiu no LP "Se não fosse o samba...", uma composição de sua autoria, "Doutores do meu Brasil", em parceria com Fernando de Jesus.

Em 2004 Xangô da Mangueira interpretou "Mineiro, mineiro" (c/ Ivan Carlos) no CD "Sabe lá o que é isso?", do grupo carioca Cordão do Boitatá.

Mais visitados
da semana

1 Hermeto Pascoal
2 Caetano Veloso
3 Dorival Caymmi
4 Luiz Gonzaga
5 Festivais de Música Popular
6 Tom Jobim
7 Irmãs Galvão
8 Ângela Maria
9 Chitãozinho e Xororó
10 Beth Carvalho