Busca:

Reginaldo Rossi

Reginaldo Rossi
14/2/1944 Recife, PE
20/12/2013 Recife, PE

Dados Artísticos

  Iniciou a carreira em 1964, imitando Roberto Carlos em apresentações em bares e clubes de Recife. Na época, era acompanhado pelo conjunto The Silver Jets. Em 1966 lançou selo Chantecler seu primeiro LP, "O pão", música título composta em parceria com Namir Cury e Orácio Faustino. No ano seguinte lançou o LP "Festa dos pães", música título feita em parceria com Waldemar Pimentel, além de outras de sua autoria como "Maior que Deus" e "Mexerico dos quadrados". Lançou o disco seguinte somente em 1970, já pela CBS, onde estreou com o LP "À procura de você", música de Geraldo Nunes e Clayton. Por essa época, afastou-se do gênero rock e passou a apresentar um repertório dentro do chamado brega-romântico, do qual se tornou um ícone. Lançou ainda mais quatro LPs pela CBS. Em 1976, passou a gravar pelo selo Beverly. No ano seguinte lançou o disco "Chega de promessas", novamente pela CBS. Ficou sem gravar até 1980, quando foi contratado pela EMI, e gravou o LP "A volta", com inúmeras composições de sua autoria, entre as quais, "Volta", com Dom Pixote, "Uma tentação", com Baby Santiago e "A idade do lobo". Seguindo-se nove discos ao longo da década, nos quais gravou, entre outras, "Sua ausência", de Eduardo Araújo, "A volta", de Roberto Carlos e Erasmo Carlos. Por essa época era um fenômeno de vendas no Norte e Nordeste, mas continuava esquecido no eixo Rio-São Paulo. Em 1987 lançou um de seus maiores sucessos, "Garçon", de sua autoria e que estouraria no sul do país como grande sucesso no final da década de 1990. Em 1989 lançou o LP "Momentos de amor", com músicas como "Saí da tua vida", de Chico Roque e Carlos Colla, "Me tira da solidão", de Chico Roque, Telma e Carlos Colla e "Momentos de amor", de sua autoria. Na primeira metade dos anos 1990, lançou apenas um disco, pela modesta gravadora Celim. Em 1998 lançou pela Polydisc o CD "Reginaldo Rossi ao vivo", com seus grandes sucessos, entre os quais, "A raposa e as uvas", de sua autoria e "Mon amour, meu bem, ma femme", de Cleide. Em 1999, o CD "Reginaldo Rossi the king", contou com a participação de convidados como Wanderléia, em "Prova de fogo", de Erasmo Carlos, Golden Boys, em "Fumacê", de Solange Corrêa e Rossini Pinto, Roberta Miranda, em  "Vá com Deus", de autoria da própria cantora e do grupo de rock Planet Hemp, em "Negro gato", Getúlio Cortes. O disco vendeu 1 milhão de cópias. Em entrevista à revista "Veja", afirmou que se orgulha de ser rotulado de brega, falava de si em terceira pessoa e se comparava a Mozart. Entre seus maiores sucessos estão "O pão", "Mon amour, meu bem, ma femme", "A raposa e as uvas" e "Garçom", esta última a mais pedida em seus shows. Aceitou e ostenta o título de "Rei" da música brega. Em 2001 lançou novo CD ao vivo interpretando, entre outras, "O dia do corno", de sua autoria, "Será que foi saudade?", de Zezé di Camargo e "Em plena lua de mel", de Calyton e Cleide. Em 2000, teve a sua música "Garçom", gravada por Roberta Miranda, no álbum ao vivo "A Majestade, o Sabiá", lançado pela Universal Music. Em 2006, gravou seu primeiro DVD da carreira pela EMI Music, "Reginaldo Rossi - Ao vivo", cujo repertório, constituído apenas de grandes sucessos, foi escolhido pelo próprio cantor. Entre outras, constaram "O Dia do Corno", "Eu Devia Te Odiar", "Volta Amor", "Mon Amour, Meu Bem, Ma Femme"; além do o mega hit "Garçon". No ano seguinte, teve as músicas "Mon amour", "Garçon" e "Dia do corno" gravadas pelo cantor Luano do Recife no Cd "Luano do Recife - Simplesmente brega - Volume 3". Ao longo da carreira recebeu 14 discos de ouro, dois de platina, um de platina duplo e um de diamante. Teve diversas de suas composições gravadas por diferentes cantores e grupos, entre os quais, o Mastruz com Leite, que gravou um CD com suas composições em ritmo de forró. Em 2010, mantendo-se fiel ao estilo romântico exagerado, lançou, novamente pela EMI Music, seu segundo DVD, "Cabaret do Rossi". Na apresentação ao vivo, que contou com um cenário de tecidos aveludados, poltronas vermelhas, entre outros elementos decorativos de um cabaret, fez releituras de grandes sucessos, tais como "Taras & Manias", "Dama de Vermelho", "Boate Azul", tem também "Amor I Love You", "Só Você"; além de uma versão inédita da música "I Will Survive". O DVD, que teve produção de Antônio Mojica e Victor Kelly, foi indicado ao 22o Prêmio da Música Brasileira, na categoria melhor álbum de canção popular. No mesmo prêmio, foi o vencedor na categoria de melhor cantor.  

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Eumir Deodato
3 Assis Valente
4 Chico Buarque
5 Noel Rosa
6 Dorival Caymmi
7 Tom Jobim
8 Lupicínio Rodrigues
9 Caetano Veloso
10 Romildo