Busca:

Paulo Neto

José Paulo Freitas da Silveira Neto
8/3/1981 Condado, PE

Dados Artísticos

Iniciou sua carreira em 2000, aos 19 anos, no comando de trios elétricos e se apresentando em bares, casas de shows e projetos culturais em Pernambuco.
No final da década de 2000 viajou pelo Brasil com o show “Ensaio”, que contou com um repertório de músicas inéditas e de sua autoria e releituras de compositores como Caetano Veloso e Cartola. A partir desse trabalho, foi convidado pelo produtor Thiago Marques Luiz, para participar da gravação do CD “Adoniram 100 anos”, lançado em 2010 pela Lua Music, no qual interpretou a faixa “Acende o candieiro”, ao lado de Vânia Bastos.
Em 2009 gravou o CD “Samba eu canto” de distribuição artesanal restrita à divulgação de seu trabalho.
Em 2011 foi premiado na 22º edição do “Prêmio da Música Brasileira”, na categoria “Vale Cantar Noel”. Nesse mesmo ano participou do espetáculo “Zé Keti - 90 anos da voz do morro”, realizado no Teatro do Sesc Pinheiros, em São Paulo, ao lado de artistas como Zezé Motta, Jair Rodrigues, Márcia Castro e Marcos Sacramento. Fez parte da homenagem aos 100 anos de Nelson Cavaquinho realizada no  Centro Cultural São Paulo, ao lado de Ângela Ro-Ro, Benito de Paula, Teresa Cristina e Filipe Catto.
Em 2012 participou do maior bloco de rua do mundo o Galo da Madrugada, no carnaval de Recife, dividindo o trio com Luiza Possi e Nena Queiroga. Foi convidado pelo Maestro Sion para participar de concertos com a Orquestra Jovem Tom Jobim no Memorial da América Latina e na Sala São Paulo e também para integrar o box de 3 CDS “100 Anos de Gonzagão”, dedicados ao centenário de Luiz Gonzaga, no qual interpretou a faixa “Imbalança” (Luiz Gonzaga e Zédantas). Nesse mesmo ano lançou, pelo selo Tratore, o CD “Dois animais na selva suja da rua”, produzido por Thiago Marques Luiz sob a direção artística do DJ Zé Pedro. O disco contou com as inéditas “Espetáculo” e “Prova de resistência” da compositora pernambucana Isabela Moraes e as regravações de “Tudo outra vez” (Belchior), “Eu vou tirar você desse lugar” (Odair José), “Sinto-me bem” (Ataulfo Alves), “Do outro lado da cidade” (Roberto Carlos), “Com mulher não quero mais nada” (Noel Rosa e Sylvio Pinto), “Velho bandido” (Sérgio Sampaio), “O patrão nosso de cada dia” (João Ricardo) e a homônima “Dois animais na selva suja da rua” (Taiguara), entre outras. Lançou o CD-single “Dois animais na selva suja da rua”, produzido por Thiago Marques Luiz, no qual incluiu as faixas “Sintonia” (Fred Góes, Moraes Moreira e Zeca Barreto) e “São João do carneirinho” (Isabela Moraes).

Mais visitados
da semana

1 Hermeto Pascoal
2 Martinho da Vila
3 Noel Rosa
4 Elza Soares
5 Festivais de Música Popular
6 Lúcio Barbosa
7 Luiz Gonzaga
8 Sílvio Caldas
9 Gilberto Gil
10 Dona Ivone Lara