Busca:

Paulo Coelho

Paulo de Almeida Coelho
11/2/1910 Porto Alegre, RS
21/9/1941 Porto Alegre, RS

Dados Artísticos

Iniciou a carreira artística aos 14 anos de idade, atuando como pianista na Confeitaria Central, para ajudar no sustento da família após o falecimento do pai. Consta que, em 1926, quando o grupo Oito Batutas esteve em Porto Alegre para uma série de apresentações, Pixinguinha passava horas ouvindo-o tocar e tentando convencê-lo a ir para o Rio de Janeiro, mas ele não quis. Seu trabalho na Confeitaria Central se estenderia até 1930, quando foi convidado  pela Companhia de Revistas Cândida Villa para realizar uma excursão à Argentina. Em Buenos Aires fez sucesso, apresentando-se em diferentes Rádios locais. Seguiu depois para a cidade de Córdoba, onde acabaria se casando com uma argentina, que faleceu logo depois do nascimento de seu primeiro filho, o que o fez retornar ao Brasil. Em 1933, já de volta à Porto Alegre, ingressou na Orquestra da Rádio Gaúcha e passou a atuar no Café Colombo, então o mais famoso da cidade. Em 1934, foi para o Rio de Janeiro, e, em companhia do saxofonista Marino dos Santos passou a trabalhar no Cassino Atlântico, integrando a orquestra de Romeu Silva, apontada na época como a mais famosa da capital federal. Voltou desiludido à Porto Alegre, sem ter recebido nenhuma remuneração pelo trabalho. Em 1935, quando da fundação da Rádio Farroupilha foi contratado para trabalhar lá e saiu da Rádio Gaúcha. Por essa época, dirigia também a orquestra do Café Flórida. Em 1938, foi contratado com sua orquestra para tocar na inauguração da Rádio Municipal de Buenos Aires. Na capital argentina atuou com sua orquestra em programas de Rádios e em shows. Lá participou da gravação daquele que seria seu único registro fonográfico, o samba "Alto da Bronze", de sua autoria e do jornalista Plauto de Azambuja Soares, o Foquinha. Esse samba se referia ao local em que nascera, famoso recanto de Porto Alegre. Essa gravação foi feita na RCA Victor argentina e contou com o vocal da cantora Horacina Corrêa, então integrante da orquestra dirigida por ele. Na inauguração da Rádio Municipal de Buenos Aires, tocou ao lado de Maurice Chevalier, Hugo del Carril e June Marlowe. Tocou também no mais famoso cabaré da América Latina, o Tabaris. Em 1939, teve a marcha "Pobre Pierrot", com Paulo Rodrigues, gravada pelo cantor João Petra de Barros, com acompanhamento da Orquestra Victor, pela gravadora Victor. De volta à Porto Alegre, seguiu dirigindo também a orquestra da Rádio Farroupilha na qual tocaria até sua morte precoce de ataque cardíaco aos 31 anos de idade.

Mais visitados
da semana

1 Hermeto Pascoal
2 Caetano Veloso
3 Noel Rosa
4 Dorival Caymmi
5 Tom Jobim
6 Luiz Gonzaga
7 João Gilberto
8 Festivais de Música Popular
9 Música Brega
10 Pixinguinha