Busca:

Oscar Bellandi


26/3/1911 Salvador, BA
31/10/1965 Salvador, BA

Dados Artísticos

Atuou na Rádio Mayrink Veiga como violonista de diversos conjuntos regionais. Compôs em parceria com Aldo Cabral, Ataulpho Alves, Herondino Silva e Vargas Júnior, entre outros. Organizou e dirigiu o conjunto Milionários do Ritmo, atuando durante muitos anos no Hotel Quitandinha, em Petrópolis (RJ). Autor de mais de 100 músicas, gravadas por intérpretes como Dick Farney, Ângela Maria, Elizeth Cardoso, Ciro Monteiro, Odette Amaral,  Lana Bittencourt, Nuno Roland e Laila Cury, entre outros.  Em 1944, o conjunto vocal Milionários do Ritmo gravou o samba "Ela foi embora", parceria com Djalma Ferreira. No ano seguinte, o mesmo grupo vocal gravou os sambas "Mulher de ninguém" e "Se queres ir embora", e Heleninha Costa o samba "Não posso perdoar", parceria com Dias da Cruz. Em 1946, a vedete Virgínia Lane gravou a marcha "Maria Rosa", parceria com Dias da Cruz. Em 1947, Dick Farney lançou o samba "Foi e não voltou", parceria com Chuca-Chuca. Em 1948, teve o samba "Meu Rio de Janeiro", parceria com Nelson Trigueiro, gravado por Dick Farney na Continental. Em 1951, teve o samba "18 anos", com Mariano Filho, gravado pela cantora Olivinha Carvalho. Em 1952, Elizeth Cardoso lançou pela Todamérica o samba "Caixa postal zero zero", parceria com Luiz de França. Em 1955, teve gravado por Lana Bittencourt na Columbia o samba "Pobre menino rico", parceria com Vargas Jr. Em 1958, foi homenageado pelo cantor Carlos Roberto que lançou pelo selo Ritmo o LP "Música de Oscar Bellandi na voz de Carlos Roberto" com suas composições: "Meu Rio de Janeiro"; "Sei que voltarás"; "Caravana azul"; "Baião do cego"; "Sinhá moça"; "Ela foi embora"; "Briguei com Sinhá Moça" e "Uma existência". No mesmo ano, teve o samba-canção "Eu sem você" foi gravdo pelo cantor Luis Cláudio no LP "Bem juntinhos" da gravadora Columbia.   Em 1980, Raul de Barros gravou "Entardecer", com Paulo Gesta no LP "O máximo do trombone", da gravadora Copacabana.

Mais visitados
da semana

1 José Camillo
2 Caetano Veloso
3 Moreno Veloso
4 Rodrigo Vellozo
5 Mayck e Lyan
6 Sivuca
7 Clara Nunes
8 Tiee
9 Noel Rosa
10 Renato Barros