Busca:

Mumuzinho

Márcio da Costa Batista
14/12/1983 Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Atuou em diversos filmes nacionais, dentre os quais “Xuxa Pop Star” (2000), “Cidade de Deus” (2002), “Cidade doa Homens” (2007) e “Tropa de Elite” (2007). A partir de 2007 fez diversos shows de abertura das apresentações de artistas como Belo e Exaltasamba. Em 2008 foi chamado por Dudu Nobre para ser um dos vocalistas de apoio da sua banda. Frequentava pagodes na casa de Alcione, Regina Casé e do empresário José Maurício Machline. Em 2011 lançou pela internet o CD “Transpirando amor”, que contou com a faixa “Curto-circuito”. A convite de Zeca Pagodinho, participou da gravação do DVD “Quintal do Pagodinho”, no qual interpretou a música “A voz do meu samba”, parceria sua com André Renato.  Foi contratado pela Rede Globo de televisão como integrante do programa “Esquenta” da apresentadora Regina Casé. Em 2012 começou a gravar a minissérie “Preamar” do canal HBO. Nesse mesmo ano lançou, pelo selo Universal Music, o CD “Dom de Sonhar”, produzido por Bruno Cardoso, Sérgio Jr. e Lelê, integrantes do grupo Sorriso Maroto. O disco inclui algumas das músicas lançadas no CD “Transpirando amor”, como “Curto-circuito” (Claudemir e Felipe Silva), “Te amo” (Carlos Caetano e Adriano Ribeiro), “Mande um sinal” (André Renato e Felipe Silva), “Se eu tivesse o poder” (André Renato e Leandro Fabi) e “Calma” (Felipe Silva e Claudemir); regravações como a de “Minha Rainha” (Rita Ribeiro e Lourenço Cavalcante Neto), e a inédita “Dom de sonhar” (Péricles). Sua gravação da música “Curto circuito” (Felipe Silva e Claudemir), entrou para a trilha sonora da novela “Sangue Bom” (2013), da Rede Globo. Em 2013 lançou, pelo selo Universal Music, o CD/ DVD “Mumuzinho Ao Vivo”, registro de show apresentado na casa A Seringueira, em São Paulo, com participação especial de Arlindo Cruz, Péricles e Alexandre Pires. O disco, produzido por Bruno Cardoso e Lelê, contou com músicas inéditas como “Combinado” (André Renato e Mumuzinho), “Choque de ordem” (André Renato e Charlles André), “Já faz tempo” (Felipe Silva), entre outras. Participou do show “Um barzinho, um violão – Anos 80”, realizado no Salão Segóvia do Windsor Barra Hotel, no Rio de Janeiro, com vários artistas interpretando temas de novelas dos anos de 1980, para a gravação de CD e DVD homônimos, no qual gravou as músicas “Judia de mim” (Wilson Moreira e Zeca Pagodinho) e “Enredo do meu samba” (Jorge Aragão e Dona Ivone Lara).  Participou do “Sambabook Zeca Pagodinho”, lançado nos formatos CD duplo, DVD e blu-ray pelo selo Zeca PagoDiscos/ Universal Music, em 2014. Na ocasião, interpretou “Falsa alegria” (Alcino, Monarco e Zeca Pagodinho). Em 2015 lançou, pelo selo Universal Music, o CD “Fala meu nome aí”, produzido por Bruno Cardoso e Lelê, com participação de Zeca Pagodinho em “Fala meu nome aí” (André Renato, Gilson Bernini e Mumuzinho) e da atriz Carolina Dieckmann em “Desejo de amar” (Gabú e Marinheiro). Em 2017 estreou como comediante no papel de Mussa, antigo Mussum, na nova versão do programa “Os Trapalhões”, idealizada pela Rede Globo em parceria com o canal Viva. Em 2018 foi o campeão do quadro “Show dos Famosos”, do programa “Domingão do Faustão”, da Rede Globo, em que homenageou Dona Ivone Lara. Nesse mesmo ano gravou o DVD “A voz do meu samba” na Ilha do Itanhangá, no Rio de Janeiro, com a participação de Alcione, Dildinho, Dudu Nobre, Xande de Pilares, Nego do Borel, e do grupo Vou no Sereno.

Mais visitados
da semana

1 Franco Scornavacca
2 Festivais de Música Popular
3 Lupicínio Rodrigues
4 Assis Valente
5 Hermeto Pascoal
6 Dorival Caymmi
7 Clementina de Jesus
8 Daniela Mercury
9 Caetano Veloso
10 Música Sertaneja