Busca:

Mary Terezinha

Mary Terezinha
1948 Bagé, RS

Dados Artísticos

Em 1961, apresentava-se na Rádio Bagé, quando conheceu o cantor Teixeirinha, iniciando com ele um relacionamento amoroso e uma carreira que duraram 22 anos. Com ele gravou diversos discos e participou de vários filmes, cujas trilhas sonoras eram interpretadas pelos dois, entre os quais, "Ela tornou-se freira" e "O afilhado". Em 1961, gravou a milonga "Gauchinha fronteirista" e o arrasta-pé "Sou levada", ambas de autoria do casal. Em 1962, gravou pelo selo Sertanejo, a milonga "Não chores, querido", de Teixeirinha e a guarânia "Deixa meu amor", de sua autoria. No mesmo ano, gravou a valsa "Sinos de Natal" e o tango "Acordei chorando", as duas de sua autoria e Mineirinho dos Perdões. Em 1978, lançou pela gravadora Continental, o LP "Mary Terezinha". No mesmo ano, começou a afastar-se de Teixeirinha, de quem se separaria de forma definitiva, em 1982. Em 1989, escreveu o livro "Agora eu falo", em que relata sua atribulada relação amorosa com o cantor.

Mais visitados
da semana

1 Noel Rosa
2 Tom Jobim
3 Chitãozinho e Xororó
4 Hermeto Pascoal
5 Bibi Ferreira
6 Luiz Gonzaga
7 Caetano Veloso
8 Martinho da Vila
9 Nelson Cavaquinho
10 Pixinguinha