Busca:

Marcos Suzano


Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Integrando o grupo Aquarela Carioca, ao lado de Mário Sève (sax e flauta), Rodrigo Lessa (violão tenor e bandolim), Sergio Costa (cavaquinho), Rogério Souza (violão) e Jorge Simas (violão 7 cordas), lançou, em 1987, o CD “Salvador”, contendo as faixas “Bebê” (Hermeto Pascoal), “Chará” (Baden Powell), “Libertango” (Astor Piazzolla), “Nosso encontro” (Sivuca e Hermeto Pascoal), “Stone Flower (Quebra-pedra)” (Tom Jobim), “Chorava” (Wagner Tiso), “Viola violada” (Nonato Luiz), “Curumim” (César Camargo Mariano), “Chuva morna” (Heraldo do Monte) e “Salvador” (Egberto Gismonti). Com o grupo, lançou ainda os discos "Aquarela Carioca" (1989), "Contos" (1991), "As aparências enganam" (1993, este uma parceria do grupo com Ney Matogrosso), e ainda "Idioma" (1996).

Ao longo da carreira, atuou com Zizi Possi, Água de Moringa, Carlos Malta & Pife Muderno, Marisa Monte, Zé Kéti, Gilberto Gil, Ney Matogrosso, Lenine e vários entre outros artistas brasileiros, além de Sting e Joan Baez.

Lançou, em 1993, com Lenine, o CD "Olho de peixe", contendo as seguintes composições do parceiro: “Acredite ou não”, “Miragem do Porto”, “O que é bonito”, “Caribenha Nação” e “Tuaregue e Nagô”, todas com Bráulio Tavares, “Mais além” (c/ Bráulio Tavares, Lula Queiroga e Ivan Santos), “O último pôr do sol” e “Escrúpulo”, ambas com Lula Queiroga, “Gandaia das ondas” e “Pedra e areia”, ambas com Dudu Falcão, “Leão do Norte (c/ Paulo César Pinheiro), “Lá e Lô” e a faixa-título.

Em 1996, o CD "Sambatown", contendo suas composições “Pandemonium - parte 1” e “Pandemonium - parte 2” (nesta segunda parte, em parceria com Alex Meireles, Carlos Malta e Eduardo Neves), “Nosso Bumba” (c/ Alex Meireles), “O curupira pirou” (c/ Lenine), “Desentope batucada” e “Jungle Samba”, além de “Airá” (Carlos Negreiros), “Assalto” (Paulo Moura, Alex Meireles e Paulo Muylaert), “Quem” (Itamar Assumpção), “Sereia do Leblon” (Alex Meireles) e “Diálogos para a Paz Mundial” (Alex Meireles e Paulo Moura).

Em 2000, o CD "Flash", com os seguintes temas de sua autoria: “Zona Norte”, “Terra de Ninguém” e “Go”, todos em parceria com Fernando Moura, “The Message” e “O colecionador”, ambos com Alex Meireles, “Baby Dancing” (c/ Alex Meireles e Fernando Moura), “Flash” (c/ Eduardo Neves), “Sambox 1” e “Sambox 2”.

Em 2005, estreou turnê nacional e internacional do espetáculo "Homenagem a Tom Jobim", ao lado de Armandinho, Paulo Moura e Yamandú Costa.

Em 2007, lançou, em parceria com Vítor Ramil, o CD “Satolep Sambatown”. Nesse mesmo ano, lançou o CD solo “Atarashii”.

Em parceria com Naná Vasconcelos, Caito Marcondes e Coração Quiáltera, lançou, em 2010, o CD “Sementeira: Sons da Percussão”, contendo suas composições “Sementeira”, “Ifá”, “Convite” e “Ensaio geral”, todas com Naná Vasconcelos, Caito Marcondes,  e Coração Quiáltera, e “No morro”, além de “Triciclo” e “Ditempus Intempus”, ambas de Coração Quiáltera “Lua nova” (Naná Vasconcelos e Coração Quiáltera), “Nada mais sério” (Naná Vasconcelos) e “Canto de trabalho” (Caito Marcondes).

É diretor artístico do Festival Percpan e apresenta oficinas regularmente na Europa, no Japão e nos Estados Unidos.

Mais visitados
da semana

1 Franco Scornavacca
2 Festivais de Música Popular
3 Lupicínio Rodrigues
4 Dorival Caymmi
5 Hermeto Pascoal
6 Assis Valente
7 Caetano Veloso
8 Música Sertaneja
9 Clementina de Jesus
10 Daniela Mercury