Busca:

Márcio Hallack

Márcio Sarkuis Hallack
27/6/1953 Juiz de Fora, MG

Dados Artísticos

Inicialmente, atuou como pianista em vários eventos e em festivais no Cine Theatro Central, em sua cidade natal. Por essa época, integrou vários grupos.

Em 1979, no Hotel Nacional no Rio de Janeiro, participou do "Festival Brahma MPB", classificando em 3º lugar o choro "Um presente pro titio", de sua autoria com arranjos do Maestro Gaya, tendo a participação do flautista Copinha. Por essa época, venceu um concurso de piano em Barbacena, Minas Gerais.

No início da década de 1980, atuou em várias gravações com diversos artistas: Galo Preto, Hermeto Pascoal, Tom Jobim e Paulinho da Viola.

No ano de 1989, apresentou-se no festival "Free Som", organizado por Paulinho Albuquerque e realizados no Cotton Club, em São Paulo e no Rio Jazz Club, no Rio de Janeiro. Neste mesmo ano, lançou seu primeiro disco individual. No LP contou com as participações de Nelson Ângelo, Mauro Senise, Fernando Leporace, Novelli e Telma Costa.

No ano de 1993, abriu o show de Vitor Biglione realizado no Front, em Juiz de Fora. Neste mesmo ano, participou, ao lado de Robertinho Silva e Raul de Souza, do "II Pró-Jazz Festival", realizado na Escoila Pró-Música, em Juiz de Fora. No ano seguinte, em 1994, atuou como pianista e arranjador ao lado de Hérmanes Abreu na faixa "Um talvez", do disco de Lígia Alcantarino. Além disso, realizou show em Belo Horizonte no projeto "Tríade Instrumental".

Em 1995, gravou o disco "Tudo azul", no qual participaram Raul de Souza, Mauro Senise, Robertinho Silva, Nico Assumpção e Adriano Giffoni. No ano seguinte, fez show de lançamento na Casa Rosada, com a participação de Toninho Horta na guitarra.

No ano de 1997, participou, juntamente com Mauro Senise, Robertinho Silva e Adriano Giffoni, do programa da TV Educativa do Rio de Janeiro. Por essa época, atuou como arranjador e pianista no filme "O Rei do Samba", de José Sette, sobre a vida de Geraldo Pereira. Atuou ainda do disco "Contrabaixo brasileiro", de Adriano Giffoni. Neste mesmo ano, participou de diversos programas: "Canal Jazz", de Roberto Moura na TVE, "Arrumação", de Saulo Laranjeiras na TV Alterosa (SBT).

Em 1998, ao lado de Kim Ribeiro, participou do programa "Ao Vivo Entre Amigos", de Ricardo Cravo Albin, na Rádio MEC/AM. Neste mesmo ano, apresentou-se com Robertinho Silva no projeto "Rock In Rio Instrumental" e, no ano seguinte, a dupla se apresentou no Anfiteatro da Companhia de Força e Luz de Cataguases, no qual foi gravado um CD ao vivo.

No ano 2000, compôs a trilha sonora do filme "Lanterna Mágica", de Alexandre Alvarenga. Integrou o quinteto de Vitor Biglione, com o qual se apresentou no Mistura Fina (RJ), Teatro Alfa Real (SP), Museu do Telephone (RJ), Sesc - Bauru (SP), Hotel Copacabana Palace (RJ), Sesc - Vila Mariana (SP), e no Teatro Rival (RJ). Ainda neste ano, ao lado de Miéle, o Quinteto e Vitor Biglione apresentaram-se na Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro. Participou como convidado de saxofonista canadense Jean Pierre Zanella do show "Música Instrumental", na Casa de Cultura Laura Alvim, em Ipanema, no Rio de Janeiro. Neste mesmo ano, participou da gravação da trilha sonora do filme "Janela do Caos", de José Sette, sobre a vida do poeta Murilo Mendes. Nesta trilha, constam duas composições de sua autoria. Ainda em 2000, apresentou-se no "Projeto Instrumental", do Espaço Arte Sumária, no Rio de Janeiro, além de fazer show no La Taberna, em Belo Horizonte e de participar do "IV Festival de Jazz do Pró-Música", de Juiz de Fora.

Entre 1979 e 2002, participou de vários discos, entre eles, do LP do pianista Sérgio Souto, grupo Choro Galo Preto, CD "Contrabaixo brasileiro", de Adriano Giffoni, "Duo Robertinho Silva e Márcio Hallack, gravado ao vivo no Teatro da Cia Força e Luz de Cataguases, mas ainda não lançado. CD "O tempo e o lugar"de Fernanda Cunha, "Ararinha Azul", CD de Aleuda Silva, como pianista ao lado de Hermeto Paschoal na faixa "Campos de morangos".

Em 2002 lançou o CD "De manhã".

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Dorival Caymmi
3 Assis Valente
4 Nelson Gonçalves
5 Caetano Veloso
6 Elza Soares
7 Nelson Cavaquinho
8 Tom Jobim
9 Noel Rosa
10 Paulinho da Viola