Busca:

Lourenço Baeta

Lourenço Baeta Bastos
30/8/1952 Rio de Janeiro, RJ

Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Participou, como ator, do espetáculo "Hair" (1972) e do filme "Os primeiros momentos" (1973), dirigido por Pedro Camargo.

Compôs músicas originais para o filme "Os primeiros momentos" (1973) e para as peças teatrais "O dragão", de Eugenio Schwartz, e "A rainha morta", de Heloísa Maranhão, ambas encenadas em 1975.

Atuou como flautista do grupo de Johnny Alf em 1973.

De 1974 a 1976, apresentou-se como flautista e cantor nos espetáculos "Louvação", "Avatar" e "Nau Catarineta".

Fez parte do grupo Calunga, com o qual apresentou-se em temporadas na Concha Verde do Morro da Urca, em 1976.

Dois anos depois, sua composição "Meio-termo" foi registrada por Elis Regina no disco "Transversal do Tempo" e apontada pela crítica como uma das melhores músicas do ano.

Em 1979, lançou o LP "Lourenço Baeta". O disco contou com a participação de Dori Caymmi, Gilson Peranzetta, Vitor Assis Brasil, Chiquinho do Acordeom, Márcio Montarroyos e Antonio Adolfo, entre outros artistas. Ainda nesse ano, assinou a produção musical do disco e do show do Bloco da Palhoça, destinado ao público infantil.

Em 1980, passou a integrar o grupo Boca Livre, com o qual vem atuando desde então.

Ao longo de sua carreira, participou de gravações em discos de Tom Jobim, Chico Buarque, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Naná Vasconcellos, Nana Caymmi, Francis Hime, Zé Ramalho, Geraldo Azevedo, Amelinha, Marco Sabino, MPB-4, Quarteto em Cy, Céu da Boca, 14-Bis, Flávio Venturini, Mario Adnet, Maria Inês e sua Gente, Paulo e Miltinho, entre outros.

Em 2013, lançou, com seu grupo Boca Livre, o CD “Amizade”, com as faixas “Baião do acordar” (Novelli), “Rio Amazonas” (Dori Caymmi e Paulo César Pinheiro), “Mistério do prazer” (Zé Renato, Claudio Nucci e Juca Filho), “Tempestade” (Chico Pinheiro e Chico César), “Terra do Nunca” (Edu Lobo e Paulo César Pinheiro), “Paixão e fé” (Tavinho Moura e Fernando Brant), “Água Clara” (Mauricio Maestro) e a canção-título (Marcos Valle e Mauricio Maestro). O disco contou com a participação de Marcos Valle (piano acústico), Cristovão Bastos (piano acústico), João Carlos Coutinho (piano acústico, piano elétrico e acordeom), Francisco Sartori (teclado), Jorge Helder (baixo acústico), Ricardo Silveira (guitarra), Jr Tostoi (guitarra FX), Danilo Caymmi (flauta), Iura Ranevsky (cello), Jaques Morelenbaum (cello), Zé Nogueira (duduk), Marcelo Costa (bateria e percussão), Renato Massa (bateria), Rafael Barata (bateria) e Armando Marçal (percussão), e arranjos vocais e instrumentais de Maurício Maestro.

Mais visitados
da semana

1 Acyr Marques
2 Geraldo Pereira
3 Caetano Veloso
4 Dorival Caymmi
5 Noel Rosa
6 Hermeto Pascoal
7 Roberto Luna
8 Tom Jobim
9 Nelson Cavaquinho
10 Francisco Mignone