Busca:

Kim Marques


Belém, PA

Dados Artísticos

Foi um dos formadores, juntamente com nomes como Edilson Moreno, Anormal do Brega, Adilson Ribeiro, Cléo Soares, Alberto Moreno e Cris Oliveira, pela movimentação da noite paraense na década de 1990 e pela formatação do chamado Brega Calipso.

Estreou em discos em 1997, com "A dança do brega", música cujo CD vendeu cerca de 25 mil cópias em menos de um ano. Em 1998, fez novo sucesso com a música "Brega Carimbó", em Cd que vendeu 20 mil cópias em um ano.

Participou, em 2000, da Iª Bienal Internacional de Música de Belém, que fez a cidade de Belém virar um imenso palco com apresentações variadas de música, dança, cinema, teatro, vídeo e folclore. O evento contou com a participação de artistas como Paulo André Barata, Sivuca, Chico César, Boca Livre, Altamiro Carrilho, o grupo Uakiti e a cantora Marlui Miranda. Também estiveram presentes os paraenses Verequete, Wanderlei Andrade, Pinduca, Eduardo Dias, Lucinha Bastos, Nilson Chaves, Jane Duboc e Sebastião Tapajós, entre outros. Nesse ano, teve a composição "Beijo Inocente" gravada no primeiro CD da Banda Extravagânia.

Em 2003, fez, com sua banda, o show de inauguração das obras da orla de Icoaraci na Baía do Guajará, em Belém. Nesse ano, participou, com inúmeros outros artistas, da Caminhada pela paz e contra a fome, promovida pela Universidade Federal do Pará. Participou, em 2004, com outros nomes do Brega Calypso paraenso do primeiro festival de forró do Estado, o Pará Forró Fest. Entre seus sucessos estão as músicas "Fim do nosso amor" e "Declaração de amor".

Mais visitados
da semana

1 Jorge Portugal
2 Renato Barros
3 Festival MPB 80 (Rede Globo)
4 Caetano Veloso
5 José Camillo
6 Moreno Veloso
7 Mayck e Lyan
8 Sivuca
9 Tiee
10 Noel Rosa