Busca:

José Garcia

José Garcia
Circa 1930 São Paulo

Dados Artísticos

Iniciou a carreira artística na primeira metade dos anos 1950. Depois de fazer apresentações em rádios, foi contratado pela gravadora Columbia, e, em 1956, lançou um disco em 78 rpm com o fox "Os Olhos Do Senhor", de Renato de Oliveira e Othon Russo, e o Samba canção "Cansaço", de René Bittencourt. No ano seguinte, transferido para a gravadora Sinter, lançou três 78 rpm com as composições "Que Murmuren", Bolero de "Rubén Fuentes e Rafael Cardenas; "Anastasia", Beguine, de Paul Francis Webster e Alfred Newman, em versão de Alberto Ribeiro; "Beijo Por Beijo", Bolero de Lourival Faissal e Bel Luis; "Soy Um Estraño", Bolero de Gonzalo Curiel; "Dejame Em Paz", Bolero de Luciano Miral, e "Adalgisa", Bolero de Lourival Faissal e Getúlio Macedo. Também em 1957, lançou seu primeiro LP, intitulado "Adalgiza - Boleros de Sucessos na Voz de José Garcia", no qual, com acompanhamento de Leal Brito, o Britinho, e Sua Orquestra, interpretou os boleros "Esperame Em El Cielo", de Francisco Lopez Vidal, o "Paquito"; "Soy Um Estraño", de Gonzalo Curiel; "Dejame Em Paz", de Luciano Miral; "Maria La O", de Ernesto Lecuona; "Que Murmuren", de Rubén Fuentes e Rafael Cardenas; "Beijo Por Beijo", de Lourival Faissal e Bel Luis; "Intenção", de Getúlio Macedo e Lourival Faissal; "Adalgisa", de Lourival Faissal e Getúlio Macedo; "Deixa o Meu Coração Cantar", de Sebastião Cirino e Rosário Provedel, e "Anastasia", de Paul Francis Webster e Alfred Newman, versão de Alberto Ribeiro. Em 1958, retornou para a gravadora Columbia e gravou o Ragtime "Ano Novo - Ano Bom", e a Marcha ragtime "Nosso Natal", ambas de autoria de Lourival Faissal e Getúlio Macedo. Em 1961, já contratado pela gravadora Mocambo gravou dois 78 rpm interpretando o Samba "Vai Apanhar", de Manoel Casanova, e a Marcha "Marcha Do Tirolês", de Manoel Casanova e José Casemiro, no primeiro desses discos, e os Bolero "Carinha De Anjo (carita De Angel)", de Nelson Navarro, versão de Lourival Faissal, e "Espera Por Mim", de Lourival Faissal e Arcênio de Carvalho. Em 1962, gravou o Chá-chá-chá "Oye Me Mama", de Lacho Riveiro, em versão sua. Em 1963, sua composição "Eu preciso de você", parceria com Jorge Martins, foi gravada por Gilberto Alves no LP "Gilberto Alves de sempre nº 2" da gravadora Copacabana. No mesmo ano, gravou os boleros "Meu Juramento", de Walter ''Gualtiero'' Malgoni e Bruno Pallesi, versão de Murillo Latini, e "Prece De Dor", de Romeu Fossati e Murillo Latini. Gravou pelas etiquetas Columbia, Sinter e Mocambo, embora tenha tido discreta repercussão. Voltado ao gênero romântico, em especial gravando boleros, sua carreira declinou na medida em que novos parâmetros musicais foram se desenvolvendo nos anso 1960, e ele se afastou da vida artística.

Mais visitados
da semana

1 Pixinguinha
2 Eumir Deodato
3 Garoto
4 Assis Valente
5 Nelson Gonçalves
6 Luiz Gonzaga
7 Elza Soares
8 Raul Seixas
9 Dorival Caymmi
10 Caetano Veloso