Busca:

Janaina Reis

Janaina Reis Pinheiro
13/4/1975 Belém do Pará, PA

Dados Artísticos

Começou a cantar profissionalmente nos anos de 2000, na banda Esplendor, com a qual gravou dois CDs,  realizando shows em todo o estado do Pará e parte do Maranhão.
Nos anos de 2001 e 2002 foi premiada em vários festivais de música de Belém do Pará e do interior do estado, como o "Festival da Canção de Ourém", o "Festival da Assembléia Legislativa" e o "Servifest", no qual foi classificada entre os finalistas com duas canções, ficando com o segundo lugar como compositora e gravando duas faixas no CD "3º Servifest".
Em 2003 fez uma participação especial, ao lado a bailarina e coreógrafa Ana Unger e do Coral Marina Monarcha, no show "No Ritmo da Paz" do grupo Percussão Brasil, realizado no Theatro da Paz, em Belém do Pará.
Em 2005 lançou, com o incentivo da Lei Semear (Lei de Incentivo à Cultura do Governo do Estado do Pará) e patrocínio do Grupo Líder, o CD "Choro Novo na Senzala", que contou com as participações especiais de Arlindo Cruz, Fafá de Belém e Sombrinha. A canção que dá nome ao disco, produzido por Luiz Carlos Torquato Reis e distribuído pelo selo Indie Records, foi composta por sua mãe, Rita Reis. Nesse mesmo ano participou como convidada especial, ao lado de Fafá de Belém,  do "Pagode do Arlindo' e do show de Tunico Ferreira, filho do cantor e compositor Martinho da Vila, realizados no Teatro Rival, no Rio de Janeiro. Também participou, ao lado do cantor e compositor Walter Alfaiate, da estreia do projeto "Samba na Veia" apresentando os "Herdeiros do Samba - que através do talento têm dado continuidade ao samba". Ainda em 2005 participou da Roda de Samba Revivendo os bons tempos do Zicartola, realizada no Centro Cultural Cartola, no Rio de Janeiro, recebendo convidados como Ivo Meirelles, Mombaça, Ary do Cavaco, Genaro da Bahia, Nilcemar Nogueira (neta de D.Zica e do compositor mangueirense Cartola), entre outros sambistas e compositores. Participou como convidada, ao lado de Diogo Nogueira e outros convidados, do show em homenagem a João Nogueira e Roberto Ribeiro, realizado no Clube dos Democráticos, no Rio de Janeiro. Recebeu do G.R.E.S. Estação Primeira de Mangueira uma placa de reconhecimento por sua contribuição ao samba carioca e formação de uma genuína cultura brasileira.
Teve como padrinho o cantor e compositor paraense Alcyr Guimarães.
Em 2006 participou do show "Valeu Cartola" realizado na Sala Baden Powell, no  Rio de Janeiro, pela neta do compositor, Nilcemar Nogueira, em sua homenagem. Apresentou-se nos shows de abertura das apresentações da cantora Alcione em Saquerema e Vila dos Pinheiros, no Rio de Janeiro.
Em 2007 participou do "Rio Folia", evento anual produzido pela Prefeitura do Rio de Janeiro juntamente com a Riotur, com palco armado nos Arcos da Lapa, que reuniu artistas como Xangô da Mangueira, Nelson Sargento, Monarco, entre outros. Apresentou-se no Teatro Estação Gasômetro (Parque da Residência) e no Teatro Waldemar Henrique, em Belém do Pará, com participações do saxofonista Marcos Puff, do cantor Edelmiro Soares, Alcyr Guimarães, Adamor do Bandolim e Trio Manari. Nesse mesmo ano participou do evento "Acorda Zumbi", em Padre Miguel, da final da escolha do samba-enredo do G.R.E.S. Acadêmicos de Santa Cruz e da reapresentação do show "Valeu Cartola" no lançamento do enredo do G.R.E.S. Paraíso do Tuiutí "Cartola, teu cenário é uma beleza!", em homenagem ao compositor, no Centro Cultural Cartola, no Rio de Janeiro. Foi convidada especial na "VI Feijoada de Bambas", em Belém do Pará. Apresentou-se no auditório do Centro Cultural Professor Horácio Macedo da Universidade Federal do Rio de Janeiro e no projeto "Na Raiz", como convidada do cantor e compositor Jorge Aragão, no Centro Cultural Veneza, no Rio de Janeiro.
Em 2008 foi escolhida "Rainha dos Artistas",  e convidada para desfilar como destaque no carro Abre-Alas do G.R.E.S. Piratas da Batucada, em Belém do Pará. Realizou shows nos SESCs de Nova Iguaçu e da Tijuca, com participação especial de Sombrinha, no Rio de Janeiro e na cidade de Castanhal, no Pará. Participou do show do cantor Reinaldo no Bar Mangueira, em São Paulo, e do "6º Aniversário do Programa Bacana" e lançamento da 5ª edição da revista homônima no Hangar Centro de Convenções, em Belém do Pará. Nesse mesmo ano apresentou-se no Teatro Rival, no Rio de Janeiro, com participações especiais de Zeca da Cuíca, Marquinho PQD e Sombrinha.
A partir de 2010 apresentou-se quinzenalmente às quintas-feiras na casa de shows Chopperia na Pressão, no Rio de Janeiro.
No ano de 2010 participou como convidada especial de Rubem Confete na Roda de Samba Pequena África, realizada na Associação Recreativa Escola de samba Vizinha Faladeira e Centro Cultural José Bonifácio, no Rio de Janeiro, onde ocorreu lançamento do 4º DVD do Movimento de Compositores Samba na Fonte, do qual também participou.
Em 2011 foi convidada de Noca da Portela em seu show realizado na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Apresentou-se na Choperia Maracanã, em Brasília. Nesse mesmo ano participou, ao lado do cantor Emílio Santiago, do espetáculo “Violinos de Cartola tocam Nelson Cavaquinho”, em que foram acompanhados da Orquestra de Violinos do Centro Cultural Cartola. O espetáculo, que fez parte das comemorações ao centenário do compositor mangueirense, foi apresentado no Centro Cultural Correios, no Rio de Janeiro.

Mais visitados
da semana

1 Tiee
2 Sivuca
3 Vinicius de Moraes
4 Noel Rosa
5 Demônios da Garoa
6 Tom Jobim
7 Franco Scornavacca
8 Chris Fuscaldo
9 Gonzaguinha
10 Luiz Gonzaga