Busca:

Ivo Santos

Ivo Pereira dos Santos
12/1/1925 Rio de Janeiro, RJ
2009 Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Seu principal parceiro foi o compositor e cantor Raul Sampaio. Sua primeira composição gravada foi "Papai dos coroas", na voz de Moreira da Silva.

Teve o samba "Só você", parceria com Bruno Gomes, gravado por Ademilde Fonseca na Todamérica em 1952. Em 1953, seu "Baião da Ximbica" foi gravado na Continental por Jorge Veiga. Em 1954, fez com Ari Cordovil o samba "Para esquecer", lançado na gravadora Copacabana por Jorge Veiga, e com Gil Lima e Ari Cordovil o choro "Força do destino", gravado por Gilberto Alves pela Copacabana. Nesse ano, Alcides Gerardi gravou na Odeon o samba "Ninguém tem dó", com Ari Cordovil e Arnô Canegal.

Em 1955, fez com Claudionor Santos o samba "Vem à janela", gravado na Continental por Jorge Goulart, com Aldacir Louro e Edgar Cavalcanti a marcha "Ovo de Colombo", lançada por Gilberto Alves na gravadora Copacabana, e com Raul Sampaio a marcha "Namoro da vovó", gravada por Orlando Silva na Odeon. Teve ainda o samba "Zombou de mim", com Ari Cordovil e Arnô Canegal, gravado por Alcides Gerardi na Columbia. Ainda em 1955, a marcha "Ninguém quer trabalhar", com Carlinhos e Dedeco, foi gravada na Mocambo pelo cantor baiano Jaime Barbosa. No ano seguinte, Carlos Galhardo gravou o samba "Você fez da minha vida" e a marcha "Papai Noel", ambas com Raul Sampaio, na RCA Victor, e Venilton Santos lançou na Odeon o samba-canção "Solução", com Raul Sampaio. Teve ainda a "Marcha do vira", com Raul Sampaio, gravada na Odeon por Orlando Silva, e o bolero-mambo "Só você nada mais", com Raul Sampaio, registrado por Mário Gil na Polydor. Também em 1956, o samba "Solução", com Raul Sampaio, foi regravado na Copacabana por Jorge Veiga, e a "Marcha do pixe", com Haroldo Lobo, foi registrada pelo radialista César de Alencar, pela RCA Victor. Em 1957, a marcha "Galo vermelho", com Haroldo Lobo, foi lançada por Gilberto Milfont, e o samba "Meu passado em Mangueira", com Raul Sampaio, foi gravado por Jorge Goulart, ambas na Continental. Nesse ano, o Trio do Fafá, do instrumentista Fafá Lemos, gravou o samba "Solução", com Raul Sampaio, e Alcides Gerardi registrou a valsa "Natal da saudade", com Raul Sampaio. Ainda no mesmo ano, obteve grande sucesso com outra parceria com Raul Sampaio: o samba "Eu chorarei amanhã", gravado na Odeon por Orlando Silva. Também em 1957, Violeta Cavalcânte lançou pela Odeon o samba "Vou perder a cabeça", com Raul Sampaio e William Duba. Em 1958, teve outra obra gravada por Orlando Silva: o samba "Eu não quero você", com Raul Sampaio. No ano seguinte, Orlando Silva registrou na Odeon o samba-canção "Despreso", com Raul Sampaio, e Alcides Gerardi lançou pela Columbia o samba "Debaixo de pau", também com Raul Sampaio.

Em 1960, na Continental, teve lançado por Risadinha o samba "Quem me vê sorrir", parceria com Risadinha, e por Bill Farr a marcha "A letra "J", parceria com Armando Cavalcânti. No ano seguinte, Emilinha Borba gravou pela Columbia o samba "Chora que eu vou gargalhar", parceria com Claudionor Santos, e Risadinha na Continental lançou o samba "Da água que eu bebi", com Risadinha. No mesmo ano, Élvio Gobbi registrou pela RGE o samba "Fim", com Raul Sampaio, enquanto Raul Sampaio lançou também pela RGE o bolero "Quem eu quero não me quer". Em 1962, Risadinha gravou na Columbia a marcha "Piri...Piri...", parceria com o próprio cantor, e Roberto Silva regravou pela Copacabana o bolero "Quem eu quero não me quer", com Raul Sampaio. Em 1963, teve duas composições gravadas por Risadinha na CBS, os sambas "Alô bicuda" e "Deixa o meu pranto rolar", parcerias com Francisco Neto, nome verdadeiro do sambista Risadinha. No ano seguinte, outra parceria com Risadinha foi gravada pelo parceiro, a marcha "Lá vem o bom velhinho". Nesse período, a marcha "Bruxa feiticeira", com Haroldo Lobo e David Raw, foi gravada por Valter Levita, e a marcha "Bububu no bobobó", com Armando Cavalcanti, foi lançada por Marlene. Seu principal parceiro foi Raul Sampaio, sendo ainda parceiro de Haroldo Lobo, Armando Cavalcanti e Risadinha, entre outros. Teve músicas gravadas por Orlando Silva, Moreira da Silva, Roberto Silva, Risadinha, Emilinha Borba, Marlene, Carlos Galhardo e Bill Farr, entre outros.

Mais visitados
da semana

1 Dorival Caymmi
2 Festivais de Música Popular
3 Chico Buarque
4 Luiz Gonzaga
5 Caetano Veloso
6 Raul Seixas
7 Assis Valente
8 Música Sertaneja
9 Lupicínio Rodrigues
10 Nelson Cavaquinho