Busca:

Ivete Sangalo

Ivete Maria Dias de Sangalo Cady
27/5/1972 Juazeiro, BA

Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Começou a carreira profissional no ano de 1983. Um de seus primeiros incentivadores foi o cantor e compositor Geraldo Azevedo no fim dos anos 80, quando se apresentou no Teatro do Centro de Cultura João Gilberto, de Juazeiro. Apresentou-se em várias cidades do interior da Bahia, até ser convidada a participar da micareta da cidade de Morro de Chapéu, também na Bahia. Em 1991, trabalhou como backing vocal do cantor baiano Lui Muritiba. No ano seguinte, estreou com banda própria em Salvador e ganhou no mesmo ano com este show o "Troféu Caymmi" na categoria  "Cantora Revelação". No ano de 1993 fez inúmeras apresentações com sua banda, até que o produtor Jorge Cunha a convidou para integrar a Banda Eva, com a qual gravou seis discos. Retomou a carreira solo em 1999. Ainda neste ano lançou o primeiro disco pela PolyGram e inaugurou a sede de uma produtora própria, a Caco de Telha Produções. No ano seguinte, a convite do produtor Rildo Hora, participou do disco "Casa de samba 4", no qual interpretou "Loucuras de uma paixão" (Mauro Diniz e Ratinho) em dueto com Jorge Aragão. Neste mesmo ano foi eleita a "Rainha da Seleção Brasileira" com a música "Festa". Foi indicada para o "Grammy Latino" na categoria "Melhor música pop-solo". Sua interpretação de "Se eu não te amasse tanto assim" fez parte da trilha sonora da novela "Uga Uga", da Rede Globo. Ganhou disco de ouro no Brasil e de CD duplo de platina em Portugal. Considerada a "Rainha da Parada Gay". Em 2002 lançou o CD "Festa", pela gravadora Universal Music, disco que vendeu mais de 100 mil cópias em pouco tempo. Neste mesmo ano, ao lado de outros artistas, participou do disco "Os melhores do ano III", no qual foi incluída a mesma gravação de  "Loucuras de uma paixão". Ainda em 2002, foi lançada a coletânea "Se eu não te amasse tanto assim" com alguns de seus sucessos. Neste mesmo ano, ao lado de Luciana Mello, Chico César, Biquini Cavadão, Paula Toller, Ed Motta e Engenheiro do Hawaii, participou do disco "Um barzinho e um violão", da gravadora Universal Music, disco no qual interpretou "Fullgás", de  Marina e Antônio Cícero. Em 2003, ao lado do Jota Quest, O Rappa, Harmonia do Samba, Banda Olodum e Banda Cheiro de Amor, participou do evento "Cabofolia", promovido pela Prefeitura de Cabo Frio na Praia do Forte. Neste mesmo ano, com Alcione, Elba Ramalho e Sandra de Sá, foi uma das convidadas de Margareth Menezes para o show no Canecão. Ainda em 2003, foi lançado para o mercado exterior uma caixa com 5 CDs, "We are Bahia - We are the world of carnaval", contendo 20 anos de axé music. Desta caixa fez parte cantando "Festa", o maior sucesso de sua carreira. Lançou o CD "Clube Carnavalesco Inocentes em Progresso", nome retirado do primeiro bloco carnavalesco fundado em Salvador no ano de 1900. O disco contou com a participação do guitarrista Davi Moraes em 13 faixas, entre as quais "Brasileiro" (Conceição, Duller e Alcântara) e "Sorte grande" (Lourenço), ambas, sucessos nas principais emissoras de rádio de todo o país. Foram também incluídas a s músicas "Você e eu, eu e você" (Tim Maia), "Retratos e canções" (Michel Sullivan e Paulo Massadas), "Somente eu e você" (que integrou a trilha sonora da novela Kubanacan, da Rede Globo), "Natural Collie" (com participação especial de Jorge Mautner ao violino), "Moonglow/ Somente você" (Hudson e DeLange - Versão de Dudu Falcão), "Verdadeiro carnaval" (Davi Moraes, Pedro Baby, Quito Ribeiro, Betão Aguiar e Ciça Morais), "Pan-americana" (Betão Aguiar, Ari Moraes e Fefê Gurman), "Ritmo gostoso" (Tavares e Babilônia), entre outras. Em 2004 lançou o CD/DVD "Ao vivo MTV - Ivete Sangalo" em comemoração aos dez anos de carreira, nos quais recebeu como convidados Margareth Menezes em "Chão da praça", Gilberto Gil na faixa "Ilê Ayê" e David Moraes em "Astral". No disco ainda foram incluídas, "Tonelada de desejo" (Carlinhos Brown), "Chica Chica boom chic" e "Flor do reggae", de sua autoria em parceria com  Fabinho O'Brian e Gigi. Com o DVD "Ao vivo MTV" foi a primeira cantora brasileira a vender 500 mil cópias. Já o mesmo CD chegou à marca de 650 mil cópias. Em 2005 as composições "Festa" (Anderson Cunha) e  "Sorte grande" (Lourenço), músicas de trabalho da cantora, alcançaram o primeiro e segundo lugares, respectivamente, segundo o ECAD (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição de Direito Autoral), como as músicas mais executadas em shows nos primeiros meses do ano. Neste mesmo ano recebeu o "Prêmio Tim" na categoria "Melhor Cantora" pelo voto popular. Ainda em 2005 no "12º Prêmio Multishow de Música Brasileira" ganhou o prêmio como "Melhor DVD" com "Ao Vivo". Neste mesmo ano lançou o CD "As super novas", disco que já saiu com tiragem inicial de 650 mil cópias, sendo 500 mil compradas pela Companhia Avon. No CD apareceu como compositora nas faixa "Na Bahia" (c/ Gigi) e "Poder" (c/ Gigi e Radamés) e ainda interpretou "Soy loco por ti Amercia" (Gilberto Gil e Capinan), faixa que foi intgrada à trilha sonora da novela "América" (Rede Globo) e  "Chorando se foi", de autoria de Márcia Correa. Ainda em 2005 a sua gravadora declarou que a artista é o carro-chefe da empresa no Brasil e a terceira em vendas no mundo. No ano de 2006 o cachê da cantora estava na cifra de US$ 1 milhão e para show, R$ 400 mil reais a hora. Neste mesmo ano foi incluída como personagem do livro "MPB Mulher", de Ricardo Cravo Albin, editado pelo ICCA (Instituto Cultural Cravo Albin), com fotos exclusivas do fotógrafo Mário Luiz Thompson. No ano de 2007 comemorou 35 anos na Praia de Copacabana, em show que aglutinou cerca de 450 mil pessoas, Neste ano voltou ao mesmo palco, desta vez ao lado do cantor americano Lenny Kravitz, no espetáculo "Live Earth", versão brasileira em favor do não aquecimento do planeta. Ainda em 2007 foi o grande destaque na entrega do "Prêmio Multishow" no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, no qual ganhou os prêmios de "Melhor CD" e "Melhor Show". Em 2010 apresentou-se para um público de cerca de 15 mil pessoas no Madison Square Garden, em Nova York, na gravação do seu primeiro DVD para o mercado internacional, principalmente o latino intitulado "Multishow ao vivo - Ivete Sangalo no Madison Square Garden", com direção de Nick Wickman, diretor de videos de Beyoncé e Madonna. No DVD contou com as várias participações especiais tais como a da colombiana Shjakira e o cantor, também colombiano, Juanes; o pop-star argentino Diego Torres em "Agora eu sei"; a canadense Nelly Furtado na faixa "Where it begins", o carioca Seu Jorge na música "Pensado em nós dois" e os baianos Netinho e Margareth Menezes. Também foram interpretadas as composições "Human nature", em homenagem a Michel Jackson, "Easy", de Lionel Richie e sucesso do grupo Commodors, além da faixa "Me abraça". Em 2011 foi uma das atrações da 22ª edição do "Prêmio da Música Brasileira" realizada no Teatro Municipal, no Rio de Janeiro, em homenagem ao cantor e compositor Noel Rosa, na qual interpretou "Palpite infeliz". Nesse mesmo ano participou, ao lado de Gilberto Gil e Caetano Veloso, de um programa especial de final de ano, transmitido pela Rede Globo. O registro ao vivo do show foi lançado em CD e DVD pelo selo Globo Marcas e conquistou o “Grammy Latino” de “Melhor Álbum de Música Popular Brasileira” de 2012. A partir de 2012 lançou anualmente, em formato digital, a coletânea “O Carnaval de Ivete Sangalo”, viabilizada pela gravadora Universal Music. Em 2013 recebeu o prêmio de “Melhor Cantora”, na categoria “Canção Popular”, no “24º Prêmio da Música Brasileira”. Nesse mesmo ano foi uma das atrações do Palco Mundo, principal palco do festival “Rock in Rio”, no Rio de Janeiro, onde também se apresentaram nesse mesmo dia os artistas David Guetta e Beyoncé. Nesse mesmo ano foi eleita “Melhor Cantora” na categoria “Voto Popular” do “Prêmio Multishow”. Ainda em 2013 lançou, pelo selo Universal Music, a compilação “As nossas canções”, com sucessos românticos que gravou no decorrer de sua carreira artística, dentre as quais sua gravação de “Amor em paz” (Antônio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes), incluída na trilha sonora da novela “Amor à Vida” (2013), da Rede Globo, e “Atrás da porta” (Francis Hime e Chico Buarque), faixa extraída do álbum ao vivo “Ivete, Gil e Caetano” (2012). Apresentou-se na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA) para a gravação de DVD, celebrado 20 anos de carreira. O show contou com participações de Alexandre Pires, Olodum, Saulo Fernandes, Stomp e Bell Marques, com quem dividiu os vocais em “Para você”, música inédita de sua autoria com seu parceiro Gigi. Participou do show “Um barzinho, um violão – Anos 80”, realizado no Salão Segóvia do Windsor Barra Hotel, no Rio de Janeiro, com vários artistas interpretando temas de novelas dos anos de 1980, para a gravação de CD e DVD homônimos, no qual gravou as músicas “Deixa chover” (Guilherme Arantes) e “Amor e o poder (The power of love)” (Gunther Mend, Candy DeRouge, Jennifer Rush e Mary Susan Applegate – versão de Cláudio Rabello).  Em 2014 fez uma participação no show da cantora italiana Laura Pausini no palco do Madison Square Garden em Nova York (Estados Unidos), onde fez em dueto bilíngue com a cantora a música “La cose che vivi/ Tudo o que eu vivo” (Giuseppe Carella, Fabrizio Baldoni, Gino De Stefani e Cheope). Nesse mesmo ano lançou, pelo selo Universal Music, o DVD “Multishow Ao Vivo – Ivete Sangalo 20 Anos”, gravado na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA) com participações de Alexandre Pires, Olodum, Saulo Fernandes, Stomp e Bell Marques, com quem dividiu os vocais em “Para você”, música inédita de sua autoria com seu parceiro Gigi. Participou do show de encerramento da Copa do Mundo no Maracanã. Apresentou a temporada de 2015 do programa “Super Bonita”, do canal GNT. Nesse mesmo ano apresentou o show “Nivea Viva Tim Maia”, ao lado de Criolo, na casa Vivo Rio, no Rio de Janeiro. Com direção de Daniel Ganjaman e orquestrado por Monique Gardenberg, o show contou com repertório exclusivo de músicas lançadas por Tim e seguiu em turnê por cidades brasileiras, como Porto Alegre (RS), Recife (PE), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP). Nesse mesmo ano foi lançado, pelo selo Universal Music, o CD “Viva Tim Maia”, gravação de estúdio, resultante da turnê patrocinada pela marca de cosméticos Nívea, non qual dividiu os vocais com o rapper Criolo em algumas das treze faixas do disco. Foi eleita “Melhor Cantora” por voto popular no “Prêmio Multishow”. Lançou, pelo selo Universal Music, o CD e DVD “Sai do chão – O Carnaval de Ivete Sangalo”. Coletânea carnavalesca, que incluiu a inédita “O farol” (Ramon Cruz). Em 2016 integrou o corpo de jurados do programa de calouros “The Voice Kids”, exibido pela Rede Globo. Nesse mesmo ano lançou o EP “Ivete Sangalo Acústico em Trancoso”, com quatro faixas, dentre as quais a autoral “Mais e mais” (c/ Duani Martins).Lançou, pelo selo Universal Music, o CD/ DVD “Acústico em Trancoso”, gravado no Teatro L’Occitane, na cidade de Trancoso (BA). Participou da Cerimônia de Encerramento das Paralimpíadas 2016, no Estádio do Maracanã (RJ), na qual interpretou “A paz” (Gilberto Gil) em dueto com o cantor britânico Calum Scott, fechando a noite de encerramento com músicas de seu repertótio. Apresentou-se em palco sobre o Rio Negro (AM), ao lado de Plácido Domingo, do guitarrista Andreas Kisser e da orquestra Amazonas Filarmônica, no projeto “Amazônia Live”, realizado pelo festival “Rock in Rio” com o objetivo de recuperar 12 milhões de hectares das floresta amazônica. Em 2017 foi contemplada pelo “28º Prêmio da Música Brasileira” com o prêmio de “Melhor Cantora” na categoria “Canção Popular” pelo disco “Acústico em Trancoso”. Também participou do prêmio interpretando “Sangue latino” (João Ricardo e Paulinho Mendonça). Fez a abertura do festival “Rock in Rio”, interpretando a música “Imagine” (John Lennon) ao lado da modelo Gisele Bündchen. Em seguida, apresentou o primeiro show do Palco Mundo, o principal palco do festival.

Mais visitados
da semana

1 Elis Regina
2 Irmãs Galvão
3 Noel Rosa
4 Caetano Veloso
5 Ronaldo Bôscoli
6 Isolda
7 Tom Jobim
8 Chitãozinho e Xororó
9 Luiz Gonzaga
10 Gonzaguinha