Busca:

Ivan Conti

Ivan Miguel Conti Maranhão
16/8/1946 Rio de Janeiro, RJ

Não deixe de ver:

Dados Artísticos

Também conhecido como "Mamão".

Em 1963, começou a frequentar o Beco das Garrafas, espaço onde se apresentavam vários artistas da música popular e instrumental brasileira, como Elis Regina, Dolores Duran, Silvinha Telles, Leny Andrade, Jonny Alf, Dom Um Romão e Edison Machado, entre vários outros. Aproveitando as "canjas" de bateria, passou a dedicar-se ao instrumento, começando, em seguida a trabalhar em diversas casas noturnas cariocas, atuando durante cinco anos, já como baterista profissional.

Inaugurou a casa de espetáculos Canecão (RJ), com o grupo de rock The Youngsters, em 1968, e ingressou em estúdios de gravações, participando de inúmeros trabalhos com artistas nacionais e internacionais.

Participou do evento "Phono 73", realizado pela gravadora Phonogram no Palácio de Convenções do Anhembi (SP), nos dias 11, 12 e 13 de maio de 1973. Neste ano, fundou, juntamente com José Bertrami e Ivan Conti, o grupo Azymuth, com o qual lançou os discos "O fabuloso Fittipaldi - trilha sonora do filme" (1973), "Azymuth", "Águia não come mosca" (1977), "Light as a feather" (1979), "October" (1980), "Telecommunication" (1982), "Cascades" (1982), "Rapid transit", "Flame" (1984), "Tightrope walker", "Crazy rhythm" (1988), "Carioca" (1989), "Tudo bem" (1990), "Curumim" (1991), "Carnival" (1995), "Azymuth 21 anos" (1996), "Misturada 2-Azymuth Remix", "Woodland warrior (1998), "Pieces of Ipanema" (1999), "Before we forget" (2000) e "Partido novo" (2002).

Participou de discos de vários artistas, como Roberto Carlos, Erasmo Carlos, Marcos Valle, Paulinho da Viola, Edu Lobo, MPB-4, Alcione, Vinicius de Moraes, Toquinho, Agnaldo Timóteo, Leny Andrade, Chico Buarque, Gal Costa, Clara Nunes, Maria Bethania, Raul Seixas, Quarteto em Cy, Rita Lee e Jorge Benjor, entre outros.

Atuou com diversas orquestras, como Orquestra da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, Orquestra da TV Tupi, sob a regência do Maestro Cipó, Orquestra da TV Globo, Orquestra do Maestro Gaya, Banda Veneno, do Maestro Erlon Chaves, e Orquestra de Paul Mauriat, em turnês no Brasil e no Japão.

Participou das trilhas sonoras das novelas "E nós aonde vamos?" (TV Tupi, 1970), "Pigmaleão 70" (Rede Globo, 1970), "Cuca legal" (Rede Globo, 1975), "Pecado capital" (Rede Globo, 1977) e "Locomotivas" (Rede Globo, 1979) e também dos filmes "O fabuloso Fittipaldi", "As moças daquela tarde" e "Bye Bye Brasil".

Assinou a produção dos CDs "Samba de rua", "Samba de futebol" e "África Brasil", todos do Grupo Batuque, "Os Ipanemas", de Wilson das Neves, e "Meus amigos brasileiros", de Jurgen Sifelder.

Participou dos seguintes festivais: Playboy Jazz Festival, Berkeley Jazz Festival, Concert Bay the Sea, Monterrey Jazz Festival, Montreux Festival, Circus Theater Holand, Pallais London, Quartier Latin Berlin, Braziliam Fest Athenas-Greece, Scotchland Festival e Free Jazz, entre outros.

Atuou em shows de Helena de Lima, Ivon Cury, Taiguara, Roberto Carlos, Gal Costa, Rita Lee, Erasmo Carlos, Jorge Ben (hoje Jorge Benjor), Leila Pinheiro, Elis Regina, Erlon Chaves, Elza Soares, Milton Nascimento, MPB-4, Os Cariocas, Mauro Senise, Marvio Ciribelli, Márcio Montarroyos, Victor Biglione, Raul Seixas, Marcus Rezende, Hélio Delmiro, Miele, Jerzy Milewski, Sadao Watanabe e Stanley Jordan , entre outros.

Tem composições de sua autoria gravadas por Mauro Senise e grupo Batuque, além do grupo Azymuth.

Mais visitados
da semana

1 Caetano Veloso
2 Chitãozinho e Xororó
3 Elis Regina
4 Noel Rosa
5 Tom Jobim
6 Isolda
7 Bezerra da Silva
8 As Marcianas
9 Bloco Carnavalesco Concentra Mas Não Sai
10 Luiz Gonzaga