Busca:

Gian e Giovani



Dados Artísticos

Dupla sertaneja formada em Franca, São Paulo pelos irmãos Aparecido dos Reis Morais, o Gian - Franca, SP - 20/1/ 1967 e Márcio dos Reis Morais, o Giovani - Franca, SP - 20/8/1970. Quando crianças haviam formado um trio com outro irmão, batizado de Sereno, Sereninho e Gauchinho. Apresentavam-se em bares e restaurantes. O irmão Arnaldo desistiu de prosseguir na carreira musical com as dificuldades enfrentadas. Aparecido foi trabalhar como balconista e Márcio como entregador de jornais. Largaram os estudos mas continuaram tentando a carreira artística. Adotaram o nome de outros dois irmãos: Gian e Giovani. Arrecadaram dinheiro em uma festa no Castelinho Camp Clube de Franca e venderam um carro que possuíam para gravar um tape. Mesmo aprovados, somente gravaram o primeiro LP em 1988, pela Chantecler/Continental, com destaque para "Amante anônimo", de Monetário e Financeiro, "Espuma de cerveja", de Tomj Gomide e Benedito Seviero e "Você em minha vida", de Domiciano e Rionegro. A partir desse disco, a carreira da dupla foi alcançando sucesso com a gravação de vários outros discos. Em 1990, a dupla lançou o segundo disco, também pela Chantecler Continental, que destacou as músicas "Nem dormindo consigo te esquecer", de César Augusto, "Caçador de corações", de Mário Maranhão e Jefferson Farias e "Roupa de lua de mel", de Carlos Randall e Dimarco.
Dois anos depois a dupla gravou em seu terceiro disco "Eu quero te amar", de Jeferson Farias e  Sula Miranda e "Não dá pra te esquecer", deChico Roque e Carlos Colla. Em 1993, gravaram "De que planeta você veio", de Fátima Leão e Elias Muniz, "Faz de conta", de Minellono e Cutuño e "Sai dessa coração", de Jeferson Farias e Carlos Randall.Em 1994, passaram a gravar na BMG pela qual lançaram o disco Gian e Giovani, volume 5. No ano seguinte fizeram sucesso com "O que é que a gente não faz por amor", de Zezé Di Camargo, "Dói", de Paulo Debétio e Paulo Rezende e "Viola caipira", de Gilson e Carlos Colla. Em 1996, gravaram "Te amo menina", de enimar e Carlos Randall. Em 1997, fizeram a versão de "Eu busco uma estrela", Rick Orosco e Miguel Spinola. No mesmo ano, gravaram "Não vivo sem você", de Luís Carlos e Elias Muniz e "Que raio de amor é esse", de Valdir Luz e Tivas. Em 2000, retornaram à gravadora Continental e lançaram o CD "Dois corações", que vendeu cerca de 400 mil cópias. Em 2001, lançaram o 11º disco da carreira e o segundo após a volta para a gravadora Continental, com produção de César Augusto e tendo como destaque a música "Aperte o play", de Paulo Debétio e Paulinho Rezende, também gravada em video-clipe. Destacaram-se ainda, as músicas "Disk paixão", de Jeferson farias, Nino e Giovani, "Sete dias", de Dermes, Eder jr  e Lucas Paragoni, "Vida de peão", de Zé Henrique e "Amor da minha vida", da cantora Martinha. Em 2002 lançaram  o 12º disco, estreando na gravadora Sony Music, com produção de Pinóchio, com destaque para as músicas "Sempre te amei", "Ela se foi", "Tatuagem" e "O nome dela", de autoria da dupla, além de "O beijo da mulher amada", de Fátima Leão, "Cuidei de mim", de Peninha e "Te perdi", de Fátima Leão, Roberto Levi e Juan Marcelo. No mesmo ano, participaram do show de abertura da Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos, SP.
Um dos maiores sucessos da dupla foi "Nossa Senhora Aparecida", de Paulo Debétio. Em 2003, lançaram novo CD com destaque para "Aperte o play". Em 2004, lançaram seu primeiro álbum acústico, pela Sony Music: "CD Gian & Giovani Acústico - Ao Vivo", cujo maior destaque foi a faixa "Vida Cigana". Em 2007, lançaram o seu décimo sexto álbum, pela Atração Fonográfica, "Uma história de sucesso. A gravação contou com participações especiais de Cesar Menotti & Fabiano, na faixa "Caçador de Corações"; de Chitãozinho & Xororó, em "Página de Amigos"; e do grupo Inimigos da HP, na música "Bons Momentos". Em 2009, participaram da gravação do  DVD "Um Barzinho, Um Violão-Sertanejo", lançado pela Sony Music, cantando a música "Nem Dormindo Consigo Te Esquecer". Do show, que foi gravado na Arena Country (SP), participaram artistas como Hugo & Tiago, Grupo Tradição, Fafá de Belém, João Bosco e Vinicius, Guilherme e Santiago, entre outros. Em março de 2010, participaram do programa "Emoções Sertanejas", da Rede Globo de Televisão, que
teve como objetivo homenagear o cantor e compositor Roberto Carlos. O programa, recebeu como convidados, em um mega-show, no ginásio do Ibirapuera em São Paulo, grandes nomes da música
brasileira como Bruno & Marrone, César Menotti & Fabiano, Chitãozinho & Xororó, Daniel,
Dominguinhos, Elba Ramalho, Leonardo, Martinha, Milionário & José Rico, Nalva
Aguiar, Paula Fernandes, Rio Negro & Solimões, Roberta Miranda, Sérgio Reis, Victor & Léo e Zezé
di Camargo & Luciano Também participou do evento a atriz Déborah Seco, como apresentadora. No mesmo ano, participaram das comemorações de aniversário de duas Rádios: a Cultura FM e a Rádio 97 FM. Ainda no mesmo ano, participaram da gravação do DVD "Direito de viver", no Credicard Hall (São Paulo), em homenagem aos 10 anos do projeto do Hospital do Câncer, que leva o mesmo nome do disco. Da gravação, participaram artistas consagrados como Amado Batista, Ataíde & Alexandre, Bruno & Marrone, César Menotti & Fabiano, Chitãozinho & Xororó, Daniel, Edson, Eduardo Costa, Fábio Jr, Gino & Geno, Guilherme & Santiago, Hudson & Rolemax, Hugo & Tiago, Jorge & Mateus, Juliano César, KLB, Leonardo, Milionário & José Rico, Rick & Renner, Rionegro & Solimões, Roberta Miranda, Sérgio Reis, Teodoro & Sampaio, Victor & Leo e Zé Henrique & Gabriel. Em 2012, lançaram o 18o disco da carreira, "Joia rara", pela Sony Music, mesclando vários estilos da música sertaneja. O CD, gravado ao vivo, apresentou como principal música de trabalho a faixa "Esperanças não morrem assim", composta por Victor Chaves, da dupla Victor & Leo. Em 2014, os irmãos anunciaram que a partir do ano seguinte a dupla estaria encerrada.
A partir de então, Gian passou a manter parceria com o outro irmão, Duany, e Giovani passou a cantar com Rick, ex-integrante da dupla Rick e Renner.
No fim de 2017, anunciaram em redes sociais a volta da dupla, e que no ano seguinte fariam uma turnê.

 

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Eumir Deodato
3 Chico Buarque
4 Assis Valente
5 Noel Rosa
6 Dorival Caymmi
7 Tom Jobim
8 Lupicínio Rodrigues
9 Caetano Veloso
10 Romildo