Busca:

Gereba

Geraldo Barrero
Monte Santo, BA

Dados Artísticos

Nos anos 1970, fundou o Grupo Bendegó e os Trovadores Urbanos. Em 1998, lançou o CD "Canudos" uma visão pessoal dos episódios que marcaram a Guerra de Canudos. Contando com a participação especial do Grupo Olodum, destacam-se no disco as composições "Duas pedras", "Sossego da vila" e "Centenário de Canudos", além do cordel "A história fará sua homenagem", de Ivanildo Vilanova. Em 1979, fez sucesso com a composição "Tudo liga tudo", parceria com Tuze Abreu gravada por Oewaldinho do Acordeom. Em 1995, gravou, na Alemanha, o disco "Gereba Dance", pela Gereba Produções. No repertório, além de composições próprias, a música "Quatro Cravos de Jarbas Mariz e Cátia de França. Em 1997, realizou shows em homenagem a Canudos, lembrando os 100 anos de sua destruição, em diversos locais, entre os quais, no Teatro Denoy, em São Paulo e no Teatro Alberto Maranhão, em Natal, RN. Em 1999, realizou em São Paulo o show "Noite dos grandes autores" no Crowne Plaza, recebendo a cada dia de show um convidado a ser acompanhado por ele ao violão. Em 2000, lançou pelo selo paulista CPC-Umes o CD "Forró da baronesa", com destaque para as composições "Você e tu" "Forró vida balão", "Nas asas do velho Chico", "Rancheira" e "Batom". O CD contou com as participações especiais de Benedito França, Osvaldinho do Acordeom e Grupo Zambê. Com 12 discos gravados, participou como arranjador e instrumentista em mais de 40 trabalhos em discos de diferentes artistas, entre os quais, Caetano Veloso e Jards Macalé. Teve músicas gravadas por Cássia Eller, Beth Carvalho e Fagner, entre outros. Em 2002, teve a composição "Festa da natureza", cuja melodia foi colocada em um poema de Patativa do Assaré, gravada por Fagner no Cd "Me leve". Ainda no mesmo ano, lançou dois Cds comemorativos aos 100 anos do lançamento de "Os Sertões", de Euclides da Cunha: "Gereba -Canudos ao vivo", um CD multimídia, contendo uma parte visual que narra a história de Canudos, através de textos-fragmentos de "Os Sertões" e também de outras fontes, como a carta de despedida de Antônio Conselheiro e de autores, como Rui Barbosa. Os textos são ilustrados por aquarelas do pintor Tripoli Gaudenzi e tem a trilha sonora "Sinos", composta por Gereba. Na parte muisical do CD, estão presentes 9 faixas, das quais, sete foram gravadas ao vivo no Teatro Alberto Maranhão, em Natal, RN, através do projeto Nação Potiguar. São elas: "Estrelas na favela"; "Sinos"; "Sossego da Vila" e "As curvas do Vasa-barris, todas de sua autoria, além de "Lamento por Canudos", com Neumanne Pinto, "A oração e o combate", com Padre Enoque e "Relógio da saudade", música sua para um poema de Antônio Conselheiro. As duas outras músicas "A história fará sua homenagem", com Ivanildo Vilanova e "Centenário de Canudos", foram gravadas no Teatro Denoy de Oliveira, em São Paulo. Também faz parte do CD depoimentos históricos sobre Canudos, em faixa multimídia, trazendo registros de declarações de Renato Ferraz, Manoel Neto, Edmundo Muniz, Prof. José Calazans e Sérgio Gerra, cedidos pelo cinegrafista Antonio Olavo, que fez o documentário "Paixão e guerra no sertão de Canudos".. O disco conta com participações dos músicos Paulo Johnson (clarineta), nas faixas "Estrelas na favela", "Sossego da vila", "As curvas do vaza-barris" e "Sinos"; Naylor Proveta (sax soprano), na faixa "Centenário de Canudos"; Carlos Zens (flauta), nas músicas "Estrelas na favela", "Sinos" e "Sossego da vila, e percussão na faixa "As curvas do vaza-barris". O outro CD "Sertão", trás participação de Dominguinhos, na música "Não gosto de sertão verde". Também participam do disco os músicos Milton Mori (bandolim e cavaquinho), Zé Barbeiro(violão de 7 cordas), Silvinho Soares (acordeom), Ari Colares (percussão) e Sylvio Mazzucca (baixo acústico). As músicas "A mulher de Bule-Bule" e "Resposta a João Bá" contou com vocal e pandeiro de Bule-Bule, flauta de José de Abreu, acordeom de José de Abreu, baixo de Ivã Bastos e zabumba de Ferrete. O disco também conta com participação especial do Quarteto de cordas da Orquestra Sinfônica Igapó, do Rio Grande do Norte, composta por Antônio Bombarda (acordeom), Adriana Maresca (violino), Juliana Vertematti (viola) e João Omar (cello). Os arranjos são de Gereba, exceto nas músicas "Não gosto de sertão verde", que tem arranjo do maestro Júlio Medaglia, "Festa da natureza", cujo arranjo, Gereba divide com João Omar e "Graúna"que tem arranjo de Luiz Mário. Além de vocal, Gereba também toca cavaco, viola e violão. O repertório é composto pelas músicas "O pai da coalhada roncou, com Bule-Bule; "Forró de Roda", com Luiz Carlos Bahia; "Antônio Ribeiro da Conceição-O Bule-Bule", com Carlos Olympio; "Baião de nós", com Capinan; "Maracatu Pajeú, com Carlos Pita; "A mulher de Bule-Bule, com João Bá; "Zóio que tanto viu", com Arnaldo Xavier; "Duas Luas", com Carlos Pita; "Belo Monte, com João Bá; "Sertão de Canudos" e "Choveu no Sertão", que têm participação especial da Orquestra Nzinga de Berimbaus; "Festa da natureza", com Patativa do Assaré; "No mundo do sertão sem fim", com José de Abreu; "Na casa avoenga", com Nêumane Pinto;"Não gosto de sertão verde" que é um poema de Câmara Cascudo, escrito em 1926, adaptado e musicado por Gereba e "Graúna", que tem acordeom de Zé Hilton. Apenas uma música não é de sua autoria: "Resposta a João Bá", de Bule-Bule. Ainda em 2002, Gereba participou de diversos eventos comemorativos sobre o livro de Euclides da Cunha, inclusive abrindo com show o Congresso de Literatura "Os Sertões", na UFBA- Universidade Federal da Bahia. Em 2012, foi responsável pela produção do CD "As Luas do Gonzaga - As outras faces de Lua", lançado pelo selo Tratore. O disco trouxe um repertório de gravações de Luiz Gonzaga entre os anos 1940 e 1950, com valsas, choros e maracatus. As músicas eram instrumentais, mas ganharam letras de vários compositores, e tiveram participações de cantores como Gilberto Gil, Lenine, Margareth Menezes, Dominguinhos, Zeca Baleiro, Jair Rodrigues, Elba Ramalho, Flávio Venturini, Maciel Melo, Santanna e Adelmario Coelho, Ná Ozzetti e Raimundo Fagner.

Mais visitados
da semana

1 Elis Regina
2 Ronaldo Bôscoli
3 Noel Rosa
4 Irmãs Galvão
5 Caetano Veloso
6 César Camargo Mariano
7 Isolda
8 Tom Jobim
9 Chitãozinho e Xororó
10 Luiz Gonzaga