Busca:

Francisco Horta

Francisco Luiz Cavalcanti da Cunha Horta
Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Dos oito aos dez anos de idade estudou Harmonia Musical no Conservatório de Música do Rio de Janeiro, com a professora D.Lydia Mignoni. Entre os onze e os treze anos estudou vioncelo, na Escola Nacional de Música, sendo aluno do Professor Euryco
Rabello. Dos quatorze aos dezesseis anos estudou violão com Catullo da Paixão Cearense. Ingressou no Colégio Mello e Souza e coordenou a criação de um conjunto musical no qual atuou como baterista. Desse conjunto faziam parte ainda o pianista Luiz Eça, o trompetista Aloisio Campos da Paz, o acordeonista Haroldo Kastrup, o guitarrista Fernando Gebara, o saxofonista Thomas Kinn, o contrabaixista Pedro Lerner e o "crooner" Diacyr de Alencar. Esse conjunto atuou durante três anos entre 1951 e 1953. Nesse período, o conjunto tocava uma vez por mês em festas dançantes no próprio Colégio. Tocou por seis meses no Clube Caiçaras, sem remuneração, em benefício da Associação dos Cegos do Brasil, que era presidida pelo professor de Inglêz do colégio Mello e Souza Godofredo Ferreira de Souza. O conjunto possuía um reperetório com cerca de 130 músicas. Os ensaios eram realizados 3 vêzes por semana, na casa de seus pais, na Rua Barata Ribeiro 533, casa IX, em Copacabana. Em 1952, o conjunto obteve o 1º lugar no programa de calouros "Papel carbono" apresentado por Renato Murce na Rádio Nacional imitando o festejado "Chiquinho e sua Orquestra", interpretando o baião "Delicado", de Valdyr de Azevedo. No final do mesmo ano, o conjunto voltou a ganhar o 1º lugar na seleção de vencedores, tocando o bolero "Perfídia". Em 1953, o conjunto saiu-se vencedor no programa de Calouros, de Ary Barroso, na TV Tupi, interpretando o samba "Aquarela do Brasil", de autoria do próprio Ary Barroso. Formado numa época em que a música popular não era vista com bons olhos pelas famílias acabou desistindo da carreira artística para se dedicar aos estudos, cumprindo posteriormente brilhante carreira na magistratura e no futebol.

Mais visitados
da semana

1 Chico Buarque
2 Caetano Veloso
3 Dorival Caymmi
4 Música Sertaneja
5 Luiz Gonzaga
6 Hermeto Pascoal
7 Nelson Gonçalves
8 Tom Jobim
9 Noel Rosa
10 Daniela Mercury