Busca:

Eduardo Patané

Eduardo Carmelo Patané
1/4/1906 São Paulo, SP
15/3/1969 São Paulo, SP

Dados Artísticos

Tocou em diversos cinemas nas salas de espera. Em 1935, formou um conjunto dançante. Em 1936, formou sua primeira orquestra de tangos. Em 1939, recebeu convite de Celso Guimarães e mudou para o Rio de Janeiro indo trabalhar na Rádio Nacional.
Em 1949, acompanhou na Odeon as gravações do samba "Velhas cartas de amor", de Klécius Caldas e Francisco Alves, e da valsa-canção "A noite triste em que você não vem", de Gabriel Migliori e Dino Castelo, pelo cantor Francisco Alves. No mesmo ano, acompanhou o mesmo cantor na gravação dos sambas "Palavras amigas", de Klécius Caldas e Armando Cavalcanti, e "Quando te encontrei", de Newton Teixeira. Em 1955, Ivete Siqueira gravou na RCA Victor seu bolero-mambo "Finalmente" e o tango "Aventura".
Criou uma segunda orquestra típica de tangos com a qual gravou, ainda em 1955, pela Sinter os tangos "Churrasca", de Lomuto, e "Adios, querida", de sua autoria. No mesmo ano, a cantora Ângela Maria fez sucesso com o tango "Adeus querido", parceria com Lourival Faissal. Em 1956, gravou os tangos "Mentindo", de sua autoria e Lourival Faissal, que foi outro grande sucesso e "Acorrentado", de Luiz de França e Alcebíades Nogueira. No mesmo ano, acompanhou com sua orquestra típica a gravação do tango "Desespero", de sua autoria e Lourival Faissal, pelo cantor Carlos Augusto.
Em 1957, Emilinha Borba gravou pela Continental o tango "Desengano", parceria com Lourival Faissal. No mesmo ano, Ivete Garcia gravou na Todamérica o foxtrote "Recomece", parceria com Bruno Marnet. Também nesse ano, participou do LP "Tarde dançante nº 2" lançado pela Sinter e que contou ainda com as participações de Pedroca, José Menezes, Irany Pinto, Walter Gonçalves, Silva Leite, Britinho, Juca do Acordeom e Luperce Miranda. Nesse disco, interpretou ao piano o tango "Mentindo", de sua autoria e Lourival Faissal, e a polca "Maracujá", de sua autoria.
Em 1960, Ivete Siqueira gravou o beguine "Miniatura", parceria com Almeida Rego. No mesmo ano, lançou pela RCA Victor o LP "Um violino na berlinda - Eduardo Patané e seu conjunto" no qual interpretou músicas como "Pucha Capachildo", "Maracujá", "Corricando" e "Paganini em Copacabana", todas de sua autoria, além de "Magia", de Lyrio Pabicanli e Raimundo Lopes, e "Besame mucho", de Consuelo Velasquez, entre outras. Em 1963, pela Odeon lançou o LP "Turbilhão de tangos - Patané e Sua Típica", com a interpretação de tangos como "Poema", de Bianco e Melfi, "Esta Noche Me Emborracho", de Enrique Santos Discépolo, e "En Esta Tarde Gris    ", de Mariano Mores e José Maria Contursi, entre outras.

Mais visitados
da semana

1 Chico Buarque
2 João Gilberto
3 Geraldo Pereira
4 Tom Jobim
5 Caetano Veloso
6 Pixinguinha
7 Música Sertaneja
8 Noel Rosa
9 Jackson do Pandeiro
10 Chitãozinho e Xororó