Busca:

Edson Vieira



Dados Artísticos

De estilo romântico, atuou na década de 1980. Teve uma de suas primeiras composições gravadas em 1979 pelo cantor Luisito Gemma que, em LP lançado pela gravadora Copacabana, gravou a música "Você já não me ama", com Jozélio Soares. Em 1981, a marcha "Misto quente", com Belo Xis, foi gravada por Claudionor Germano, no LP "O bom do carnaval (Tá bom demais)", da gravadora RCA Camden. Lançou, pela Chantecler, o LP "Sofredor apaixonado", em 1980. Nesse disco, interpretou obras de sua autoria, como "Volte amor", com Gabriel Fontes, e "Não me abandone mulher", com Cláudio Vieira, além de composições de outros autores, como "Você é demais pra minha cabeça", de Alcymar Monteiro e Jorge Paulo; "Vou voltar tarde pra casa", de Everaldo Ferraz e Da Silva; "Nosso amor é um inferno", de Everaldo Ferraz e Neusinha; "Mentira dela", de Jonas de Andrade e Miguel Vieira, e "Carregando a cruz pesada", de Everaldo Ferraz e Martins Neto. Em 1984, a música "Aquele Baile", com Natan; foi lançada em LP homônimo, gravado pelo cantor Natan pela Premier/RGE. No mesmo ano, "Barco do Amor", com Nice, foi gravada pela cantora Fabiana, no LP "Chameguinho bom", da Premier/RGE. Ainda em 1984, foi premiado na XIV Califórnia da Canção Nativa do Rio Grande do Sul, com a canção "Canto nativo", com Cláudio Amaro, gravada pelo Grupo Status e incluída em LP homônimo, lançado pela gravadora Polygram. No ano seguinte, a canção "Meu fuzuê", parceria com Jorge Silva e Zeno Fernandes, foi gravada pela cantora Fabiana, no LP "Amor e alegria" da Premier/RGE. Em 1986, lançou, pela Tropical/Polygram, o LP "Reviver", música título que era uma versão sua para a música "Nikita", de Élton John; "Sem me dizer adeus", de Majó e Wagner; "Gato marujo", com Nicéas Drumont; "Voa canarinho", de Cláudio Santana e Matuzalém, e "No calor dos teus abraços", de Cecílio Nena e Nicéas Drumont. Em 1989, teve diversas músicas gravadas pelo cantor Kakau Góis, em LP lançado pela gravadora Polydisc, entre elas: "O que é o que é" e "Mulher e cachaça", com Kakau Góis e Osvaldo Araújo; "Gosto de mar", "Arretalho da vida", "Noite de lua", "Reggae merengue", e "De volta ao Recife", todas com Kakau Góis. Em 1990, teve a música "Eu cantarei para as estrelas", com Robson Alexandre, gravada por Bartô Galeno, no LP "O peso da saudade", lançado pela pela gravadora RGE. No ano seguinte, em LP da RGE, Fernando Mendes gravou "Minha namorada do interior", parceria com Fernando Boêmio. No mesmo ano, teve mais duas composições gravadas: "Pra pedir perdão", lançada pelo cantor Carlos Medina, no LP "Bis" do selo Nova Trilha, e "Recife fantasiado", parceria com Benito di Paula e Sergio Mosca, registrada pelo cantor Gera, no LP "Amigo leal", da gravadora Tropical/Polygram. Em 1992, no LP "Canta Nordeste - volume 2", lançado pela Som Livre, teve incluída a música "Axé", na interpretação da cantora Lisa Mattos. Em 1996, teve três músicas gravadas por Kakau Góis, no LP "Dançando no Caribe", lançado pela RGE: "Levantando poeira" (La pollera colora); uma versão feita em parceria com Kakau Góis e Sérgio Freitas, "Paixão caliente" e "Agora é tarde", parcerias com Kakau Góis, Luis Felipe e Airton Bezerra.

Mais visitados
da semana

1 Música Sertaneja
2 Daniela Mercury
3 Tom Jobim
4 Dorival Caymmi
5 Noel Rosa
6 Caetano Veloso
7 Gilberto Gil
8 Luiz Gonzaga
9 Hermeto Pascoal
10 Assis Valente