Busca:

Duduca do Salgueiro

Eduardo de Oliveira
8/6/1926 Rio de Janeiro, RJ
29/6/1978 Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Aos 17 anos compôs o seu primeiro samba para uma namorada chamada Elza e, ao mostrá-lo para o compositor Matinadas, da Escola de Samba Depois Eu Digo, foi convidado pelo mesmo a compor para esta escola, chegando ao cargo de diretor de harmonia, que manteve mesmo com a fusão das três escolas.

Em 1954, foi um dos autores, juntamente com Abelardo e Juca, de um dos primeiros sambas-enredo do Salgueiro "Romaria à Bahia", com o qual a escola classificou-se em 3º lugar do Grupo 1no desfile daquele ano. No ano seguinte, em 1955, compôs "Epopéia do samba", com Juca e Bala, alcançando o quarto lugar do Grupo 1no desfile das Escolas de Samba. O samba-enredo foi composto em homenagem ao ex-prefeito Pedro Ernesto Batista, um entusiasta das escolas de samba, um dos primeiros a trabalhar para que o desfile torna-se uma atração turística mundial.

Em 1961, compôs "A vida e a obra de Aleijadinho", em parceria com Bala, classificada em segundo lugar no desfile.

No ano de 1964, assumiu o cargo de presidente da Ala dos Compositores da Acadêmicos do Salgueiro, que ocupou até a sua morte.

Em 1974, Elza Soares gravou em LP uma composição sua, "Nem vem", em parceria com Noel Rosa de Oliveira e José Alves.

Mais visitados
da semana

1 Pixinguinha
2 Chico Buarque
3 Nelson Cavaquinho
4 Clementina de Jesus
5 Caetano Veloso
6 Pedro de Sá Pereira
7 Lupicínio Rodrigues
8 Tom Jobim
9 Noel Rosa
10 Francisco Alves