Busca:

Dom & Ravel



Dados Artísticos

Dupla de cantores e compositores.

Os irmãos Eduardo Gomes de Farias, 1947- (Ravel) e Eustáquio Gomes de Farias 21/08/1944 - 2000, (Dom) nascidos em Itaiçaba, Ceará, mudaram-se, ainda pequenos, para São Paulo, na década de 1950, com os pais e a irmã caçula Eva. Foram criados na periferia de São Paulo, onde foram morar. Eduardo foi apelidado de Ravel por um professor de música, por causa de sua aptidão para a arte.

Ingressando na carreira artística por volta do início dos anos 1960, a dupla, já como Dom & Ravel, lançou em 1969 o primeiro LP, "Terra boa", que trazia " Você também é responsável", transformada, dois anos depois, pelo ex-ministro da Educação, Jarbas Passarinho, em hino do Mobral, o Movimento Brasileiro de Alfabetização. Mas seria na virada dos anos 1970 que dupla atingiria seu maior sucesso, através de sua composição "Eu te amo meu Brasil", gravada pelo conjunto Os incríveis. A obra rendeu-lhes, ao mesmo tempo, sucesso e rotulações de bajuladores da direita. Tais críticas ocorreram devido ao caráter ufanista,daquela canção, que foi utilizada, no contexto político daquele momento, em pleno auge da ditadura, pelos governos militares. Somando-se à temática ufanista, também foi sucesso sua composição "Obrigado, homem do campo".

O sucesso de "Eu te amo meu Brasil" teria levado o então governador de São Paulo, Roberto de Abreu Sodré, a sugerir ao ex-presidente da República, Emílio Garrastazu Médici, que a citada canção fosse transformada em hino nacional. Médici nada teria respondido. Mas a notícia teria sido divulgada na imprensa e os artistas começaram a ser apontados como arautos da ditadura. A música, segundo Ravel, foi composta, na verdade, para aproveitar a onda do tricampeonato da seleção de futebol. Todavia, em entrevista de 2001 à Veja, o músico declara:'Mas nossos sobrenomes Gomes de Farias ajudaram a aumentar a confusão', lembrando a associação que as pessoas faziam com o brigadeiro Eduardo Gomes e o general Cordeiro de Farias. Falava-se, então que os irmãos eram filhos de militares. Na verdade, o pai deles era um pequeno comerciante paraibano e a mãe, uma dona-de-casa cearense.

Em 1971, tiveram a música "Praia de Iracema" gravada pelo grupo paulista Demônios da Garoa no LP "Aguenta a mão , joão", lançado pela Chantecler. Em 1972, a dupla foi selecionada para participar do LP coletânea "Os grandes sucessos", lançado pela RCA , com a música "Você também é responsável".

Em 1973, Dom & Ravel gravaram "Animais irracionais", falando de injustiça social. A direita não gostou e os dois sentiram uma certa má-vontade da mesma ditadura que com eles simpatizara, sendo o disco e a música afastados das rádios.

Em meados dos anos 1970, a dupla se separou, e ambos seguiram carreira solo.

Com a morte do irmão Dom, em dezembro de 2000, vítima de um câncer de estômago, Ravel, com uma vista prejudicada por um acidente, lançou, em 2001, o CD "Deus é o juiz", em sua homenagem, com sucessos da dupla. "Eu te amo meu Brasil" não foi selecionada para o disco.

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Festivais de Música Popular
3 Assis Valente
4 Chico Buarque
5 Caetano Veloso
6 Tom Jobim
7 Hermeto Pascoal
8 Nelson Cavaquinho
9 Dorival Caymmi
10 Romildo