Busca:

Choro Novo



Dados Artísticos

Grupo de choro criado no Rio de Janeiro no ano de 2010. Integrado por Abel Luiz (cavaquinho, bandolim, violão tenor e viola caipira), Marlon Mouzer (violão 7 cordas) e Reinaldo Pestana (bateria e percussão). Em 2011, com a saída do músico Marcelo Nami, entrou para o grupo o violonista Marlon Mouzer. Neste mesmo ano apresentou-se, no projeto "Mercado da Música", realizado no Mercado São Sebastião, em Vitória (ES), com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura da cidade. No ano seguinte, em 2012, participou da programação do projeto "Música no Museu - Mês das Cordas", apresentando o show "Choro Novo visita Villa-Lobos e outros mestres". Ainda em 2012, o grupo apresentou-se no SESC Niterói pelo projeto "Giro Musical". No ano de 2013 o grupo lançou o primeiro trabalho, o CD instrumental "Sotaques & influências", no qual foram incluídas as nove faixas "Tijolo na nuca", "Sorrindo pra vida", "Sinara Rúbia", "Pra chegar!", "O bruxo", "Novos tempos", "Contando os números", "Chorrilho" e "Catarina". O disco contou com arte de capa reproduzindo uma tela do artista-plástico chileno Carlos Paredes, que a cedeu para ser usada como capa do primeiro trabalho do grupo. O show de lançamento do disco foi apresentado no Centro Cultural da Justiça Federal (CCJF), no Rio de Janeiro. Em 2014 apresentou-se na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, dentro de uma programação especial para o "Dia Nacional do Choro". No ano posterior, em 2015, o CD "Sotaques & influências" recebeu indicação para o "26° Prêmio da Música Brasileira" na categoria "Música Instrumental - Grupo Álbum e Solista". No ano de 2019 o trio apresentou-se no palco do SESC Engenho de Dentro, na Zona Norte do Rio de Janeiro, em espetáculo no qual executou composições do novo CD "Diálogos sonoros". No show o grupo contou com a participação especial do cavaquinista Mestre Siqueira, além de inclusão no repertório de composições de Villa-Lobos, Sivuca, Gonzaguinha, Joel Nascimento, João Bosco, entre outros.

Mais visitados
da semana

1 Caetano Veloso
2 Assis Valente
3 Tom Jobim
4 Nelson Cavaquinho
5 João Gilberto
6 Música Sertaneja
7 Hermeto Pascoal
8 Gilberto Gil
9 Ary Barroso
10 Chico Buarque