Busca:

Cézar e Paulinho



Dados Artísticos

Dupla sertaneja. Cantores. Compositores. Formada pelos irmãosSebastião Cézar Franco, o Cézar - Piracicaba, SP - 18/1/1958. Paulo Roberto Franco, o Paulinho - Piracicaba, SP - 16/5/1960. Filhos de Craveiro e sobrinhos de Cravinho, da dupla Craveiro e Cravinho, desde pequenos conviveram com os acordes rurais  e com o universo da cultura sertaneja, em contato com artistas como Belmonte e Tião Carreiro. Começaram ainda meninos a animar festas. Participaram de festivais em sua cidade natal e em cidades vizinhas. Ainda crianças apresentaram-se em programas de rádio dirigidos pelo pai. Receberam o título de "Os garotos do peito de aço". Em 1974, gravaram o primeiro disco, com apoio da dupla João Mineiro e Marciano pela gravadora Chororó, em que se destacava a música "O calvário", de Craveiro e Marciano. Em 1978, gravaram um novo disco com destaque para "Cruz do meu rosário", de Dino Franco.  Em 1981, começaram a fazer sucesso, com a música que deu título ao disco e que estourou nas paradas. Em 1983, fizeram sucesso com a música "Meia-noite de amor", de Cristiane e Cleiton. Em 1985, o destaque ficou por conta de "Você é linda", de Cristiane e Cleiton. Outros destaques  da dupla nos anos 1980 foram "O feijão e a flor", de Vicente Dias e Benê Brito, "Eu também sou sentimental", de Nelson Ned, e "Você é tudo o que pedi a Deus", de Roberta Miranda. Obtiveram sucesso nos anos 1990, com "Morto de saudade sua", de Zezé di Camargo e Fátima Leão, "Da água pro vinho", de Paulo Debétio e Paulinho Rezende, "Outra vez" e "Mais do que eu", ambas de Cézar, "Tem alguém que te quer", de Amado Batista e Reginaldo Sodré, "Roceiro de Deus", de Vicente Dias e Cézar, "O milagre da foto", de Sulino e Paulo Calandro, "Homem da rua", de Rui Barbosa e Carlos Moreno, "Velho aconchego", de Bebeto e Aguiar. No CD gravado em 1997, um dos destaques foi o tema tradicional "Violeiro divertido", que teve adaptação de Paulinho e Craveiro. Em 25 anos de carreira tornaram-se uma das melhores duplas sertanejas, misturando a música de raiz com as novas tendências musicais, ganharam seis discos de ouro e um de platina. Em 1998, lançaram o CD "Você marcou prá mim", que teve como destaque a música "Pé de bode", que fez bastante sucesso, principalmente no Norte e Nordeste do país, onde conheceu diversas regravações inclusive de grupos de axé music. Em 1999, lançaram novo CD, trazendo como destaque a composição "Chuta pro gôr", de Cezar e Beto Surian. Outro destaque do disco é "Santa Maria do Brasil", que contou com um coral de 74 vozes e que foi gravada anteriormente por Lindomar Castilho e pela dupla Matogrosso e Mathias. O CD trás ainda uma homenagem ao violeiro Tião Carreiro na faixa "Pot-pourri de pagode", reunindo composições gravadas pelo mestre do pagode sertanejo. Em 2001, a dupla lançou o CD "Alma sertaneja" no qual gravou diversos clássicos sertanejos entre os quais "Águas de São Francisco", de Gino, Geno e Pimentel, "Canta moçada", de Nonô Basílio, Tonico e Nhô Fio e "Zé de Baixo, Zé de Cima", de José Russo e Zé Antônio. Em 2003, tiveram participação especial nas músicas "Pagode em Brasília", de Teddy Vieira e Lourival dos Santos, "Pagode do Alá", de Jorge Paulo e Moacyr dos Santos, "Tudo Certo", de Tião Carreiro e Moacyr dos Santos, e "Consagração", de Cerreirinho, no álbum "Meu Reino encantado II", de Daniel, do selo Warner Music Brasil, produzido por Daniel e Manoel Nenzino Pinto. Em 2004, completando 30 anos de carreira, lançaram o CD "Ninguém vive sem amor", primeiro lançamento da dupla pela Indie Records. O disco que contou a presença do cantor Daniel, amigo de longa data da dupla,  traz 14 músicas, que incluem inéditas como a faixa título composição de Monalisa, "Quando o Amor é pra valer" e "Cavalgada do amor", ambas de Pinochio, além de regravações de sucessos, como "Alma gêmea", de Peninha. A primeira música escolhida para trabalho foi "I love you baby", sucesso romântico da cantora Adriana, no início dos anos 1980, e, nos primeiros meses após o lançamento do CD, tornou-se  primeiro lugar em rádios de São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba, entre outras. O disco veio confirmar o estilo da dupla que se assenta no tripé romantismo/música de raiz/canções satíricas. Em 2007, a dupla participou do CD "Direito de viver", projeto de captação de recursos realizado pela Fundação Pio XII, com direção de César Augusto, em favor do Hospital do câncer de Barretos, que contou com diversos artistas do universo sertanejo e também de outras áreas da música popular nacional, como Ataíde e Alexandre, Bruno & Marrone, Sérgio Reis, Chitãozinho e Xororó, Daniel, Edson e Hudson, Gian & Giovani, Gino e Geno, Gleydson Rodrigues, Ivete Sangalo, Fábio Júnior, KLB, Royce do Cavaco, Alexandre Pires, Leonardo, Juliano Cézar, Rick e Renner, e Zezé Di Camargo e Luciano. No CD, a dupla interpretou, "Guia-me", de Cézar,  além da participação na faixa "O dia do bem", interpretada coletivamente pelos participantes do projeto.  Em 2009, participaram da gravação do  DVD "Um Barzinho, Um Violão-Sertanejo", lançado pela Sony Music, cantando a música "Duas Vezes Você". O show, gravado na Arena Country (SP), contou com artistas como Hugo & Tiago, Grupo Tradição, Fafá de Belém, João Bosco e Vinicius, Guilherme e Santiago, entre outros. No mesmo ano, a sua gravação "Aí nóis bebe" foi incluída no CD, lançado pela Som Livre, da trilha sonora da novela Paraíso, exibida pela Rede Globo de Televisão. Em março de 2010, participaram da gravação do DVD "Direito de viver", no Credcard Hall (São Paulo), em homenagem aos 10 anos do projeto do Hospital do Câncer, que leva o mesmo nome do disco. Da gravação, participaram artistas consagrados como Amado Batista, Ataíde & Alexandre, Bruno & Marrone, César Menotti & Fabiano, Chitãozinho & Xororó, Daniel, Edson, Eduardo Costa, Fábio Jr, Fernando & Sorocaba, Gian & Giovani, Gino & Geno, Guilherme & Santiago, Hudson & Rolemax, Hugo & Tiago, Jorge & Mateus, Juliano César, KLB, Leonardo, Milionário & José Rico, Rick & Renner, Rionegro & Solimões, Roberta Miranda, Sérgio Reis, Teodoro & Sampaio, Victor & Leo e Zé Henrique & Gabriel. No mesmo ano, tiveram as suas músicas "A Noite do Nosso Amor" e "Noite Maravilhosa",gravadas pela dupla Guilherme e Santiago, no CD ao vivo "Tudo tem um porque", lançado pela Som Livre. Em 2011, participaram, dentre outros eventos importantes, da Semana Nenete de Música Caipira, realizada anualmente em Pirassununga (SP). O evento contou também com artistas como Edson, Belmonte & Amaraí, Irmãs Barbosa e Matogrosso & Mathias. No mesmo ano, lançaram o segundo DVD da carreira, "Alma sertaneja", com homenagens aos clássicos sertanejos. O álbum teve participações especiais de Inezita Barroso, Chitãozinho & Xororó, Craveiro & Cravinho, Ed & Fábio, Sérgio Reis e Belmonte & Amaraí. Para a o lançamento do disco, apresentaram-se em diversos lugares, dentre os quais o programa "Viola, minha viola", comandado por Inezita Barroso, na TV Cultura. Em 2014, lançaram o álbum “O Povo Fala”, projeto concebido totalmente pela dupla e apenas com canções inéditas, sendo a principal delas “Fusca 66”. Em 2016, lançaram o DVD “Show de estrada”, pela Radar Records, gravado ao vivo em Lençóis Paulista, em que cantaram seus maiores sucessos, acompanhados pela Orquestra Municipal de Lençóis Paulista. Em 2016, com o disco "Alma Sertaneja – vol. II", foram indicados ao Prêmio de Música Brasileira, na categoria "Regional - Melhor Dupla".  Em 2017, lançaram o CD “Efeito Dominó (papel de parede)”, pela R&S, produzido por Cezar e com músicas inéditas, sendo as principais delas “Ah! Lugazinho que eu amo”, de Aguiar e Cezar, “Voa Livre Voa”, de Danny Aves, Diego Didonne e Paulinho, “Louco”, de Vicente Dias, “Você Vai Me Querer”, de Paraíso e Cesar), e “Esse Amor Anônimo”, de Jotha Luiz e Cezar. Em 2017, apresentaram-se como uma das principais atrações da 62a "Festa de Peão de Barretos". No mesmo ano, realizaram apresentação como uma das principais atrações da 23ª edição da Semana Nenete de Música Caipira, uma das maiores festas do país, ao lado de artistas como Belmonte e Amaraí, Renato Teixeira, Carreiro e Capataz e Milionário e Marciano.    

Mais visitados
da semana

1 Tiee
2 Teresa Cristina
3 Gilberto Monteiro
4 Creone e Barrerito
5 Festivais de Música Popular
6 Gilberto Gil
7 Luiz Gonzaga
8 Mayck e Lyan
9 Mestrinho
10 Alceu Valença