Busca:

Caçula e Marinheiro



Dados Artísticos

Cantores. Dupla sertaneja. Compositores.

Orlando Bianchi, o Caçula - São José do Rio Preto, SP - 1934

Benedito Brás dos Reis, o Marinheiro - Piracanjuba, GO - 1929

Em 1941, Caçula, com apenas sete anos, apresentou-se tocando sanfona na Rádio Rio Preto. Em 1956, Caçula e Marinheiro se conheceram em visita à Rádio Bandeirantes e resolveram formar uma dupla. Começaram a se apresentar na Rádio Nacional no programa "Alvorada cabocla", apresentado por Nhô Zé. Em março de 1960, lançaram pela Sertanejo o primeiro disco. De um lado, a guarânia "Não chores assim" e do outro a canção rancheira "Destino de um boêmio", ambos de Caçula e Marinheiro.

Em 1962 lançou os rasqueados "Se você gosta de mim", de Jair Gonçalves e "Além da imaginação", de Palmeira e Caçula e as canções rancheiras "Meu casamento", de Sebastião Aurélio e Benedito Seviero e "Cantinho do céu", de Caçula e Marinheiro. Em 1964, gravaram as guarânias "Uma cruz desceu do céu", de Marinheiro e Edgard de Souza e "Calma coração", de Marinheiro e Valdomiro Prado. Em 1967, gravaram um LP pela RCA Victor com destaque para as músicas, "Aquele dia tão triste", de Marinheiro, Hélio Ferreira e Eurípedes Nunes, "Onde estás meu amor?", de Marinheiro e "Pertinho do céu", também de Marinheiro. Em 1969, a dupla gravou novo disco pela RCA Victor, destacando-se "Milagre de Papai Noel", de Marinheiro e Nelson Gomes e "Noite de espera", de Marinheiro e Riccieri Faccioli.

Em 1974, lançaram um novo LP em que se destacavam as músicas compostas por Piquerobi e Everaldo Ferraz, "Rei da humildade", "Eu me comparo a Jesus" e "Bença mãe, bença pai", além de "Grande milagre", de Milton Rodrigues. Em 1975, lançaram outro disco onde apareciam, entre outras, "Adeus amor", de Caçula e Alceu, "Me leve com você", de Everaldo Ferraz e Neuzinha e "Martírio de dor", de Everaldo Ferraz e Marinheiro. Lançaram ainda os LPs "No colo da noite", pela RGE e "Cantinho do coração", pela Beverly.

Em 1998, o selo Brasil lançou o CD "Caçula e Marinheiro - super dose de sucessos", apresentando entre outras, "Boneca cobiçada", de Biá e Bolinha, "No colo da noite", de Lindomar Castilho e Ronaldo Adriano, "Rica e orgulhosa", de Luiz de Castro e "Ternura de teus beijos", de Pedro Bento e Luiz de Castro.

Em 2001, aprareceram com as composições "Sei que me amas", de Caçula, "Coração solitário", de Roberto Stanganelli e Francisco Barreto, "Não posso esquecer", de Rodolfo Vila, "Minha canção", de Marinheiro e "Vem meu amor", de autoria da dupla no CD "Duplas famosas", lançado pelo selo Brasis.

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Eumir Deodato
3 Assis Valente
4 Chico Buarque
5 Noel Rosa
6 Dorival Caymmi
7 Tom Jobim
8 Lupicínio Rodrigues
9 Caetano Veloso
10 Romildo