Busca:

Bárbara Fernandes

Bárbara Fernandes Guimarães Cova
20/2/1985 Niterói, RJ

Dados Artísticos

Foi iniciada no violão de 6 cordas em 1998 pelo violonista Jorge Ayer. Em 2001 iniciou sua trajetória musical atuando na cena musical do rock underground de Niterói nas bandas Bleach, como baixista e no grupo feminino Madame Sete, no vocal e na guitarra.   Em 2002 apresentou-se no Tom Brasil (SP) com a banda Bleach.  Em 2003 apresentou-se no Festival "Mulheres no Rock", no Teatro da UFF em Niterói, ao lado da cantora Leela e do grupo Zabatê.   Em 2008 integrou, como guitarrista e violonista, grupos femininos de música brasileira, "Zabatê", dirigido por Carlos Poubel, e "Só Delas", este último ao lado da cantora Mariá, filha do cantor e compositor Xangai. Apresentou-se neste mesmo ano ao lado do músico niteroiense Sérgio Chiavazzoli. Ambos os grupos eram formados somentes por musicistas e cantoras.  Participou do 1° Festival Nacional de Choro da Escola Portátil de Música em 2005 e seguiu estudando violão e teoria musical nos 2 anos seguintes.  Em 2009 se formou no curso de Teoria da Percepção Musical (TEPEM) na Uni-Rio.  Em 2010, ao lado de Beatriz Futuro (voz e percussão), fundou o grupo feminino "Mistura Fulô". O grupo segui se apresentando na cena musical niteroiense nos dois anos seguintes. Em 2012 foi convidada pela cantora Marthinha Sambariah para integrar o grupo "Sambariah".   Em 2013 passou a integrou o grupo "Sambrits", ao lado do baterista André Brito.  Em 2014, foi covidada para atuar tocando guitarra no "Saias na Folia", bloco feminino formado pelas ritmistas da escola de samba Viradouro, dirigido por Thalita Santos. Em 2015 inicia seu trabalho no Instituto Cultural Cravo Albin, atuando como auxiliar de produção de editais para projetos musicais, preservação de acervo e pesquisa musical.  Em 2017, fundou ao lado de Silvia Duffrayer, Cecília Cruz, Angélica Marino, Mariana Solis, Isabella Ciavatta, Duda Bouhid e Júlia Ribeiro o grupo Samba que Elas Querem. Em 2018, ao lado do grupo, apresentou-se na Fundição Progresso ao lado da cantora Gloria Bomfim, Circo Voador, Centro de Artes da Maré, Lona Cultural de Bangu, Parque das Ruínas, Ganjah Lapa, Quadra da Portela em Madureira, SESC Madureira, etc. No mesmo ano 2018, como violonista, ao lado da cantora e compositora Teresa Cristina, apresentou-se no espetáculo "Um Sorriso Negro" no Teatro Riachuelo, centro do Rio de Janeiro.  Em 2019, com o Samba que Elas Querem, apresentou-se ao lado de Tia Surica e Nilze Carvalho em show inédito no Teatro Rival. 

Mais visitados
da semana

1 Chico Buarque
2 Caetano Veloso
3 Música Sertaneja
4 Dorival Caymmi
5 Luiz Gonzaga
6 Hermeto Pascoal
7 Nelson Gonçalves
8 Tom Jobim
9 Noel Rosa
10 Daniela Mercury