Busca:

André Diniz

André Diniz da Silva
20/11/1970 Niterói, RJ

Biografia

Escritor. Pesquisador de MPB. Compositor. Formado em História pela UFF, com Mestrado pela Uni-Rio.

Doutorando em Literatura Brasileira na PUC-Rio. Lecionou na Universidade Cândido Mendes, no Rio de Janeiro.

Casado com a escritora, roteirista de cinema e pesquisadora Juliana Lins, com quem tem inédito a biografia infanto-juvenil de Paulinho da Viola, encomendada pela Editora Moderna.

Finalizou um ensaio sobre a história da Banda do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, encomendado pela Arte-Fato e Petrobras.

Trabalhou como Assessor da Secretaria de Cultura de Niterói, da qual seria, anos mais tarde, o titular.

Em 2004 foi eleito vereador da cidade de Niterói, ficando como o candidato mais votado em terceiro lugar.

Em 2002 publicou a dissertação de mestrado "Joaquim Callado, o pai dos chorões", Rio de Janeiro, Projeto do Banco do Brasil/Arte-Fato. Co-autor, com Juliana Lins, da biografia infanto-juvenil de Pixinguinha, publicada na Coleção Mestre da Música, Editora Moderna e premiada pelo Instituto Nacional do Livro.

Em 2003, por Jorge Zahar Editor, lançou o livro "Almanaque do Choro", no qual conta 150 anos da história do Choro, com cronologia, fotografias, depoimentos de músicos, compositores e intérpretes. Sobre este trabalho, escreveu no prefácio o violonista Maurício Carrilho: "Embora o choro tenha sido tema de excelentes trabalhos realizados por renomados pesquisadores, o mercado sempre careceu de uma publicação que servisse de guia para os neófitos". Lançou também, em co-autoria com Juliana Lins, o livro "Adoniran Barbosa", Editora Moderna. Fez a apresentação do CD "Samba instrumental", de Zé da Velha e Silvério Pontes, lançado pelo selo Niterói Discos. Patrocinado pela Editora Moderna ministrou palestras sobre música popular brasileira por 11 Estados do país. Seu livro "Almanaque do Choro", em apenas dois anos, acumulou três edições.

No ano de 2004 lançou "O Almanaque do Samba", também por Jorge Zahar Editor e escreveu a apresentação do catálogo iconográfico "Novos caminhos do choro", do Instituto Cultural Cravo Albin.

Em 2006 fez lançamento do "Almanaque do Samba" na Livraria Ver e Dicto, em Icaraí, Zona Sul de Niterói e ainda na Livraria DaConde - Arte e Cultura, no Leblon, Zona Sul do Rio de Janeiro, com palestra do autor e acompanhamento musical de Wander Fontana (violão de sete cordas) e Cacau (cavaquinho). Neste mesmo ano, em parceria com Juliana Diniz, lançou pela coleção infanto-juvenil "Mestres da Música do Brasil", da Editora Moderna, livro sobre Paulinho da Viola, sobre o qual declarou: "Foi uma experiência bem diferente escrever este livro porque, ao contrário dos falecidos Pixinguinha e Adoniran que fizemos pela mesma série, tivemos um contato direto com o homenageado e Paulinho me impressionou muito pela maneira como lida com o passado sem saudosismo e vive com intensidade o presente, como diz aquele samba do Wilson Batista que ele regravou: 'Meu mundo é hoje, não existe amanhã pra mim'".

Em 2008 exercia o cargo de Secretário de Cultural de Niterói. Neste mesmo ano publicou, por Jorge Zahar Editor, o livro "Almanaque do Carnaval", no qual analisou as diversas manifestações dos festejos de Momo, antes e depois da folia, tais como o axé, a marchinha, o frevo, blocos carnavalescos, corsos, os ranchos e as escolas de samba, entre outras manifestações. O livro foi lançado na Livraria Folha Seca, na Rua do Ouvidor, centro do Rio de Janeiro.

Autor de nove livros sobre a MPB, também publicou, pela Jorge Zahar, o livro "O Rio musical de Anacleto de Medeiros".

Como compositor disputou samba-enredo na Mangueira e ainda no Acadêmicos do Cubango, escola de samba de Niterói, sempre obtendo boas colocações.



FONTES:



ALBIN, Ricardo Cravo. Dicionário Houaiss Ilustrado Música Popular Brasileira - Criação e Supervisão Geral Ricardo Cravo Albin. Edição: Instituto Antônio Houaiss, Instituto Cultural Cravo Albin e Editora Paracatu, 2006, RJ.

AMARAL, Euclides. Alguns Aspectos da MPB. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008.

Mais visitados
da semana

1 Música Sertaneja
2 Dorival Caymmi
3 Caetano Veloso
4 Tom Jobim
5 Noel Rosa
6 Assis Valente
7 Hermeto Pascoal
8 Lupicínio Rodrigues
9 Daniela Mercury
10 Chico Buarque