Busca:

André Christovam


29/8/1959 São Paulo, SP

Dados Artísticos

No final da década de 1970 e início da década de 1980, integrou os grupos Golpe de Estado, Kid Vinil e Heróis do Brasil. Tocou com Rita Lee.

Em 1989, lançou o LP “Mandinga”, contendo as faixas “Sebo nas canelas”, “Confortável”, “Duvido, mas tô tentando”, “Blind dog”, “So long boemia”, “Genuíno pedaço de Cristo”, “Dados chumbados”, “Palhaço de gesso” e a canção-título, todas de sua autoria. Por conter letras em português, o disco tornou-se um marco na discografia do blues nacional.

Gravou, em 1990, “A touch of glass”, registrando suas canções “Wolf & Sheep”, “Leave my money alone”, “Santa Cecília”, “Love far blues”, “Edo”, “Flag role”, “Oh! Captain, my captain” e “Brown candles”, além de “The stumble” (Thompson e King), “Tintagel” (Márcio Vittili) e “One final favor” (Blind Lenon Jefferson). Com esse trabalho, realizou 70 shows em seis meses, culminando com duas apresentações no Tobbaco Road, em Miami, com casa lotada. Tocou com Junior Wells e também com B.B. Odon no Legend's, em Chicago.

Em 1991, lançou “The 2120 sessions”, contendo suas composições “Light house”, “Spear dance”, “Calliope”, “Don’t tell me what you’ve been doing” (c/ J.W. Williams) e “Reverend of high sierras”, além de “Bad feeling”, “Made up my mind” e “I’ve got a feeling (I have the blues)”, todas de Andrew Odon, “Don’t ever leave me” (J.W. Williams) e “Hard times kelim floor” (Skip James). O disco foi gravado no antigo estúdio Chess Records, com B.B. Odon e os músicos Jerry Porter (bateria) e J. W. Williams (baixo e vocal).

Em 1996, participou de duas músicas da turnê brasileira de Carlos Santana.

Gravou, no ano seguinte, o CD “Catharsis”, registrando as canções “Hell is fine with me”, “Doctor’s cage”, “Chewing bone blues” (c/ A. Fontanetti) e “Bobby is asleep”, todas de sua autoria, além de “The leading brand” (E. Hooker), “Every night and every day” (“Magic” Sam Maghett), “Snowy wood” (M. Taylor e J. Mayall), “I like it this way” (D. Kirwan), “Sad hours” (“Little” Walter Jacobs), “Hell is fine with me”, “Me & my woman” (“Little” Joe Blue), “Ain’t no sunshine” (B. Withers) e “No expectations” (K.Richards e M.Jagger).

Em 2002, lançou o CD autoral “Banzo”, fundindo o blues com o samba, a World Music e a MPB.

É reconhecido como um dos principais músicos do blues nacional.

Mais visitados
da semana

1 Luiz Gonzaga
2 Noel Rosa
3 Eumir Deodato
4 Dorival Caymmi
5 Geraldo Pereira
6 Chico Buarque
7 Lupicínio Rodrigues
8 Pixinguinha
9 Roberto Carlos
10 Romildo