Busca:

Anchieta Dali

Anchieta Carvalho
Circa 1960 Tacaratu, PE

Dados Artísticos

  Ao longo da carreira participou de inúmeros festivais de música em diferentes países. Suas composições foram gravadas por artistas como Amelinha, Flávio José, Santanna, Alcimar Monteiro, Josildo Sá, Jorge de Altinho, Maciel Melo, Irah Caldeira, e Cristina Amaral, entre outros. Um de seus sucessos foi o xote "Estradar", gravado pelo cantor Flávio José. No início da década de 1990, fez parte do grupo Matricó, com o qual participou de diversos festivais de música no Nordeste, além de apresentações em diferentes estados. Em 1992, com o fim do grupo Matricó, passou a seguir carreira solo. Em 1995, as músicas "Da cor do chão", com Luiz Homero, "Na roça", com Paulo Matricó, e "Fulorando", receberam o registro de Paulo Matricó no CD "Outro verso". Em 1996, lançou seu primeiro disco, o CD "Terras do amor", uma produção independente. Em 1997, três parcerias com Paulo Matricó: "Sol dos amantes", "Morada de fulô" e "Brincando São João" foram gravadas por Paulo Matricó no CD "Junho também". Em 2000, a toada "Teorema", com Paulo Matricó e Meriele Pereira, foi lançada por Paulo Matricó no disco "Maria Pereira", gravado na Alemanha. No ano seguinte, teve sua composição "A cura", em parceria com Bia Marinho, gravada por Santanna O Cantador, no CD "Xote pé de serra", produzido por Robertinho do Recife.  Em 2002, as composições "Da cor do chão", com Luiz Homero, e "Sol dos amantes", com Paulo Matricó, e "Terra molhada", foram gravadas por Paulo Matricó no CD "Emcanto do sertão".Nesse ano, fez, com Paulo Matricó, a canção "Coração", gravada por Paulo Matricó no CD "Claro - O o coração no serrado". Teve também as canções "Dança da vida" e "Querer do querer", com Carlos Vilela, "Vento, forró e folia", com Paulo Matricó, e "Flor de alegria", somente de sua autoria, lançadas por Paulo Matricó, no CD "Matricó no pé de serra". Ainda em 2007, produziu e fez arranjos para o CD "Samba de latada", que reuniu o cantor Josildo Sá e o instrumentista Paulo Moura. Nesse disco, foram incluídas suas composições "Quixabinha", com Josildo Sá, "Fulosinha" e "Beijú". Em 2008, lançou "Canturis da cor do chão", seu quarto CD, que contou com as participações especiais de Amelinha, Xangai, Maciel Melo, Carlos Villela, e Greg Marinho, e foi lançado em show acústico no Teatro do Parque na praia de Boa Viagem, em Recife, Pernambuco. Sempre requisitado para fazer arranjos e produções, em mais de dez anos de carreira é reconhecido como um dos grandes compositores nordestinos da contemporaneidade. Em 2012, realizou participação na coleção tripla de CDs "Pernambuco forrozando para o mundo - Viva Dominguinhos!!!", produzida por Fábio Cabral, cantando, ao lado de Jorge de Altinho, a música "Cacimba", de sua autoria com Abdias Campos. A coletânea trouxe forrós diversos, interpretados por 48 artistas, e que fazem referência aos 50 anos de carreira do seu inspirador: Dominguinhos. Interpretando músicas de compositores em sua grande maioria pernambucanos, fizeram parte do projeto também artistas como Acioly Neto, Adelzon Viana, Dudu do Acordeon, Elba Ramalho, Hebert Lucena, Irah Caldeira, Liv Moraes, Petrúcio Amorim, Geraldo Maia, Sandro Haick, Spok, Jefferson Gonçalves, Chambinho, Joquinha Gonzaga, Maciel Melo, Luizinho Calixto, Silvério Pessoa, Walmir Silva, entre outros, além do próprio Dominguinhos.  

Mais visitados
da semana

1 Caetano Veloso
2 Assis Valente
3 Tom Jobim
4 Nelson Cavaquinho
5 João Gilberto
6 Música Sertaneja
7 Hermeto Pascoal
8 Gilberto Gil
9 Chico Buarque
10 Ary Barroso