Busca:

Ana Clara

Ana Clara Ferreira Costa
18/10/1961 Rio de Janeiro, RJ

Dados Artísticos

Em 1982 lançou pelo Selo Pérgola o LP "Ana Clara", no qual interpretou as faixas "Negra realeza" (Noca da Portela), "Martírio" (Ruy Quaresma e Nei Lopes), "A outra" (Elymar Santos e Tony Bahia), "Barreira" (Ruy Quaresma e Paulo César Pinheiro), "Deus desse mundo" (Fernando Baster e Pedrinho da Flor), "Samba da felicidade" (Ruy Quaresma), "Oração pras almas" (Fernando Baster, Pedrinho da Flor e Ruy Quaresma),  "Mar do Maranhão" (Noca da Portela e Toninho Nascimento), "Perdoa amor" (Noca da Portela e Daniel Santos), "Impressão digital" (Beto Correia e Franco), "Clamor" (Noca da Portela e Sérgio Fonseca) e "A vida é uma beleza" (Fernando Baster, Pedrinho da Flor e Ruy Quaresma).
No ano de 1986, fez participação especial no disco de estreia de Zeca Pagodinho, interpretando "Cheiro de saudade", de autoria de Sereno e Mauro Diniz. No ano seguinte, em 1987, participou do disco "Aquela Imagem", de Reinaldo, interpretando a faixa-título, de autoria de Rico Doriléo e Marquinho China.
Em 1989 participou da coletânea "Tropical FM Volume 1", na qual interpretou as faixas "Novo amanhecer" (Marquinhos e Wilson Ney) e "Castelo de sonhos" (César Rodrigues e Cabo Velho), LP no qual também participaram Pedrinho da Flor, Elymar Santos, Mauro Diniz, Djane, Reinaldo, Dominguinho do Estácio, Elza Soares, Marquinhos Satã e Elson do Forrogode.
No ano de 1990 a gravadora Warner Music relançou o LP "Ana Clara", editado anos anos pelo Selo Pérgola. Desta vez o disco foi distribuído para todo o Brasil e alcançou grandes vendas tendo em vista o sucesso do samba carioca (pagode) alcançado por grupos e artistas como Fundo de Quintal, Zeca Pagodinho, Almir Guineto e a dupla Arlindo Cruz e Sombrinha, tão em voga na época.
Em 1991 a cantora lançou seu disco de maior sucesso e reconhecimento, o LP "Ilumina" (Selo Tropical e gravadora Polygram), disco no qual interpretou as composições "Códea da flor (Beto Correia e Edu Ferreira), "Direito de ser feliz" (Anna Fernandes e Nelson Wellington), "Palavra de mulher" (Roque Ferreira e Fábio Ferreira), "Prazer e dor" (Acyr Marques, Délcio Luis e Geraldão), "Não vou querer" (Dedé Paraíso e Eunice Barbosa), "Se for por amor" (Maurício Duboc e Carlos Colla), "Fogo sem luz" (Altay Veloso), "Raro prazer" (Guilherme Nascimento e Roberto Serrão), "Badameiro" (Roque Ferreira), "Deixa pra lá" (Carlos Senna, Almir Guinéto e Otacílio) e "Quer brincar de amor" (Arlindo Cruz, Marquinhos Satã e Acyr Marques), faixa na qual contou com a participação especial do cantor Reinaldo. Outra música de destaque foi a faixa-título "Ilumina", "Ilumina", de autoria de Noca da Portela, Tuninho Nascimento e Tranka, muito divulgada não só na emissora que produziu o disco, a Rádio Tropical FM, na época a principal emissora segmentada no saba e pagode carioca, como em quase todas as outras emissoras de rádio do país. Logo depois, a música acumulou diversas outras regravações nas vozes dos grandes intérpretes da MPB, como Maria Bethânia. Neste mesmo ano de 1991 interpertou a faixa "A outra", de Elymar Santos e Tony Bahia, no disco "Sucessos Tropical FM", LP do qual também participaram Elymar Santos, Mauro Diniz, Alcione, Bruno Maia, Grupo Raça, Chris, Wando, Royce do Cavaco, Eros e Zeca Pagodinho. Ainda em 1991, ao lado de Grupo Malakacheta, Zélia Bastos, Lourenço, Bruno Maia, Grupo Pirraça, Mauro Diniz, Eros, Royce do Cavaco, Reinaldo, Criolo Doido e Dunga, foi incluída na coletânea "Sucessos da Rádio Princesa FM", na qual interpretou a faixa "Códea da flor", de Beto Correia e Edu Ferreira.

Mais visitados
da semana

1 Kátia Di Tróia
2 Noel Rosa
3 Caetano Veloso
4 Barreto e Barroso
5 Gal Costa
6 Gonzaguinha
7 Joaquim Calado
8 João Cavalcanti
9 Tiee
10 Psirico