Busca:

Adoniran Barbosa

João Rubinato
6/8/1910 Valinhos, SP
23/11/1982 São Paulo, SP

Biografia

  Compositor. Cantor. Humorista. Ator.  Filho de imigrantes italianos. Ainda muito jovem em Jundiaí, passou a ajudar  o  pai no serviço de cargas em vagões da E.F. São Paulo Railway, atual E.F.Santos - Jundiaí. Ainda em Jundiaí,  trabalhou  como entregador de marmitas e varredor numa fábrica. Em 1924, transferiu-se com (...)

[Saiba Mais]

Dados Artísticos

Entrou para a história da Música Popular Brasileira como um dos maiores nomes da cultura e da produção artística de São Paulo, um originalíssimo cronista musical da vida de sua cidade. Suas primeiras composições foram "Minha vida se consome", com Pedrinho Romano e Verídico, e "Socorro", com Pedrinho Romano. Tentava a sorte em programas (...)

[Saiba Mais]

Obras

  • A canoa virou (c/ Raimundo Chaves)
  • A louca chegou (c/ Henrique de Almeida e Rômulo Pais)
  • Abrigo de vagabundo
  • Abriu a janela (c/ Frederico Rossi)
  • Acende o candieiro
  • Adeus, escola... (c/ Ari Machado e Nilo Silva)
[Saiba Mais]

Discografia

  • ([s/d]) Aqui Gerarda !/Juro, amor ! • CEME • 78
  • (1999) Meus Momentos. Adoniran Barbosa • EMI • CD
  • (1996) Adoniram Barbosa • Editora Globo • CD
  • (1993) Adoniram Barbosa e convidados • EMI • CD
  • (1984) Adoniram Barbosa-documento inédito • Eldorado • LP
  • (1980) Adoniram Barbosa • EMI-Odeon • LP
[Saiba Mais]

Bibliografia Crítica

  • ALBIN, Ricardo Cravo. O livro de ouro da MPB. Rio de Janeiro:Ediouro, 2003.
  • AZEVEDO, M. A . de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.
  • MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.
  • MOURA, Flávio e NIGRI, André. Adoniran - Se o senhor num tá lembrado. São Paulo: Boitempo, 2002.
  • MUGNAINI Jr., Ayrton. Adoniran, dá licença de contar... São Paulo: Editora 34, 2002.
  • ROCHA, Francisco - Adoniran Barbosa - O poeta da cidade. São Paulo: Ateliê Editorial, 2002.
[Saiba Mais]

Crítica

Se Vinícius de Moraes tivesse pelo menos lembrado da existência de Adoniran Barbosa, não teria injustamente decretado que São Paulo é o túmulo do samba. A frase não é boba como, ao se ouvir Adoniran, sempre com muito prazer, sente-se nele a síntese do ritmo com todas as características regionais – um samba legitimamente paulistano. (...)

[Saiba Mais]

Mais visitados
da semana

1 Noel Rosa
2 Festivais de Música Popular
3 Irmãs Galvão
4 Nelson Cavaquinho
5 Tom Jobim
6 Chico Buarque
7 Luiz Gonzaga
8 Caetano Veloso
9 Milton Nascimento
10 Festival da Música Popular Brasileira (TV Record)